Em negocios / grandes-empresas

Tesla lança versão mais barata do Model 3 por US$ 35 mil

Carro elétrico mais acessível da marca tem autonomia reduzida, mas mantém luxo e tecnologia

Tesla Model 3
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A fabricante de carros elétricos Tesla finalmente anunciou o lançamento do aguardado Model 3 que custa a partir de US$ 35 mil. Mais cedo, a companhia interrompeu as vendas em seu site na preparação para este anúncio.

O modelo básico do Model 3 terá autonomia de 220 milhas, uma velocidade máxima de 130 milhas por hora (cerca de 210 km/h) e acelerará de 0 a 100 km/h em 5,6 segundos, informou a empresa.

A configuração do Model 3 mais barata até então custava US$ 42.900. A diferença significativa de US$ 7.900 se traduz em maior autonomia (eram 325 milhas) e aceleração mais rápida (de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos). 

Elon Musk também anunciou novidades no formato de venda dos seus carros. "Agora você pode comprar um Tesla na América do Norte através do seu telefone em cerca de 1 minuto, e essa capacidade em breve será estendida em todo o mundo", disse a companhia no anúncio.

"Ainda teremos lojas, mas elas serão convertidas em galerias e centros de informação", disse Musk. Ao mudar as vendas para online, o executivo afirmou que a Tesla vai fechar algumas lojas e demitir funcionários, o que permite economizar dinheiro e reduzir o preço do carro. "Não há como evitar isso. Eu gostaria que houvesse outro jeito", justificou.

A empresa anunciou em janeiro que planejava cortar 7% de sua força de trabalho à medida que aumentasse sua produção do Modelo 3. Além disso, Musk disse que levará pelo menos mais dois ou três anos antes que a Tesla possa produzir um carro mais barato.

Os clientes agora poderão experimentar o carro antes de comprar (o famoso test drive) e terão o direito de devolver o veículo com reembolso integral se fizerem isso em até sete dias ou antes do carro atingir mil milhas rodadas.

A Tesla vem prometendo uma versão de US$ 35 mil do Model 3 desde que revelou o seu sedã de tamanho médio em 2016. Porém, desde então ela priorizou a produção de versões mais caras do carro para manter as margens de lucro altas.

Musk defendeu a decisão afirmando que fazer versões mais baratas não seria lucrativo e poderia levar Tesla a "morte". O CEO da empresa, porém, afirmou que não espera que a Tesla se torne uma empresa lucrativa já neste trimestre, o que levou as ações a caírem mais de 4% no after market em Nova York.

Sonha com um carro elétrico? Vá se preparando: abra uma conta de investimentos na XP - é de graça!

Mesmo antes da versão mais acessível, o Model 3 já é um enorme sucesso de vendas. Em 2018, foram nada menos que 145.610 unidades vendidas nos EUA - no Brasil, estes números dariam ao Model 3 a segunda posição no ranking de vendas, atrás apenas do Chevrolet Onix. 

 

Contato