Em negocios / grandes-empresas

Aprovado: Time Warner e AT&T farão acordo histórico de US$ 85 bilhões

A justiça dos Estados Unidos analisou por meses o acordo que pode mudar todo o rumo da indústria de mídia mundialmente

Warner Bros
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A Justiça norte-americana aprovou nesta terça-feira (12) a compra da Time Warner pela AT&T no valor de US$ 85,4 bilhões. O acordo é histórico e pode remodelar os rumos da indústria de mídia para sempre. 

A operadora de serviços telefônicos AT&T anunciou em 2016 o desejo de controlar a dona de marcas como HBO, Warner Bros. e CNN. Isso não é incomum, dado que outras empresas de telecom possuem marcas de mídia (como Comcast e NBCUNiversal, por exemplo). 

No ano passado, o departamento de justiça dos EUA tentou bloquear a compra argumentando que ela limitaria a competição e aumentaria custos. As duas empresas envolvidas, porém, argumentaram que a união as deixaria mais aptas a concorrer com gigantes do Vale do Silício como o Google e Netflix. 

Nesta alegação está o pulo do gato. Além de afetar as empresas de telefonia e de mídia tradicionais, a força deste acordo promete movimentar o setor de tecnologia e de streaming, de acordo com especialistas de ambas as áreas. 

A permissão concedida agora pode ser considerada como luz verde para outros negócios da mesma magnitude, ou ao menos nos mesmos moldes. A Comcast, por exemplo, pretende comprar a maior parte dos ativos televisivos da 21st Century Fox que criaria um ringue com a Disney do outro lado. 

AT&T e Time Warner anunciaram que pretendem finalizar os negócios no mês que vem. 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Abra uma conta na XP.

 

Contato