Em negocios / grandes-empresas

Nubank faz mudança radical no app que reflete evolução da empresa

Instituição dá destaque para outros produtos e deixa claro o recado: não somos só cartão de crédito

Nubank
(Paula Zogbi)

SÃO PAULO - O Nubank anunciou nesta terça-feira (22) uma versão totalmente nova do seu aplicativo. A nova interface visa deixar claro o propósito da empresa: nao ser apenas um cartão de crédito, mas uma instituição financeira completa.

Antes focado simplesmente na função crédito, o aplicativo obrigava que o cliente de outras funções (rewards e nuconta) entrassem nos detalhamentos do crédito para chegar a elas. Agora, o menu inicial oferece o mesmo destaque às três frentes de serviços oferecidas pela empresa.

Na tela inicial, o usuário enxerga blocos para crédito, nuconta e rewards, além de atalhos customizados (via machine learning). Isso significa que cada cliente terá acesso personalizado aos itens que utiliza mais no app, como bloqueio temporário de cartão e alteração de limite, por exemplo.

"Outras instituições tratam os clientes como se eles fossem todos iguais", diz David Vélez, CEO da empresa, em coletiva de imprensa. O foco dessa mudança, além de mostrar a gama de produtos, é simplificar. "Não é porque nossas operações ficaram mais complexas que a experiência do usuário deve ser mais complexa também, pelo contrário", complementa.  

Liberado primeiramente para imprensa, o novo app chega nesta tarde para uma base selecionada de algumas dezenas de milhares de usuários. Nas próximas semanas, os demais usuários passam a ter acesso ao redesign.

Novo App é trampolim para a NuConta

Vale lembrar que a NuConta, ainda em versão beta, só foi liberada para uma base restrita de usuários. Por ora, suas principais funções são de transferências sem custo para contas de quaisquer bancos (TEDs ilimitados) e rentabilidade de 100% do CDI com liquidez diária. 

A chegada do novo aplicativo a a base de clientes, segundo Vélez, representará também um novo passo para alcançar, via NuConta, todos os brasileiros com acesso à internet via celular. "Estamos chegando bem perto de finalmente abrir conta para todo mundo", promete. "Uma vez que o app estiver funcionando bem, vamos conseguir liberar". 

Isso deve gerar uma demanda pela funcionalidade que talvez seja maior que a capacidade da empresa. Mas Vélez e sua equipe não se importam. "Preferimos ter o conceito de lista de espera", diz, e chegar à almejada base de "todos os brasileiros". 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Abra uma conta na XP.

 

Contato