Em negocios / grandes-empresas

Live Nation anuncia compra do Rock In Rio

A empresa apenas informou que fez a compra de participação majoritária, sem informar os valores da negociação 

Rock in Rio - marcas - negócios
(Divulgação)

SÃO PAULO - A empresa de entretenimento Live Nation anunciou nesta quarta-feira (2) a compra do festival Rock In Rio, que foi o segundo maior do mundo em termos de bilheteria em 2017, com mais de 700 mil fãs de 62 países diferentes. A empresa apenas informou que fez a compra de participação majoritária, sem informar os valores da negociação. 

"Estamos muito satisfeitos em reunir o maior festival de música do mundo com a maior empresa de entretenimento do planeta", afirma Roberto Medina, fundador e presidente do Rock in Rio. "A parceria gerará uma série de sinergias que permitirão a concretização de grandes ambições para o Rock in Rio. Somos duas empresas com uma visão global unificada e a capacidade de alcançar grandes sonhos".

Medina e sua equipe continuarão sendo as principais partes do Rock in Rio, continuando a gerenciar todos os aspectos da produção, bem como a consultoria em toda a empresa, informou a Live Nation.

"Roberto e sua equipe criaram o Rock in Rio para se tornar um evento verdadeiramente global e o festival proeminente no emergente mercado de eventos ao vivo na América do Sul. Estamos ansiosos para integrar sua experiência no setor no negócio Live Nation", disse Michael Rapino, presidente e CEO da Live Nation Entertainment. 

O festival atualmente opera eventos bienais no Rio de Janeiro, Brasil e Lisboa, em Portugal, cada um com dois longos fins de semana de apresentações de artistas e experiências de fãs. O Rock in Rio começou em 1985 e já recebeu 18 edições com mais de 1.700 artistas e 9 milhões de participantes, e envolve mais de 11 milhões de seguidores nas redes sociais. O festival também foi transmitido ao vivo e transmitido para mais de 1 bilhão de espectadores em todo o mundo.

Com mais de 100 festivais em todo o mundo, a Live Nation continua a ver uma crescente demanda por shows em toda a América Latina, com mais turnês globais e mais shows na região a cada ano. "A empresa tem se concentrado ativamente na construção de seu perfil e escopo na região por meio de equipes locais de desenvolvimento de negócios e reservas de passeios", afirma a empresa em nota. 

Quer investir seu dinheiro para ir no próximo Rock In Rio? Abra uma conta na XP. 

 

Contato