Administração da Nordon Met afirma que procura sanear passivo da companhia

.

Por  Equipe InfoMoney

SÃO PAULO – A Nordon Met enviou o seguinte comunicado ao mercado:

Em resposta ao OFICIO/CVM/SEP/GEA-5/n 071/2012 que versa sobre ressalva nas
demonstracoes financeiras do exercicio findo em 31 de dezembro de 2011 e um
possivel descumprimento das normas relativas aos criterios e procedimentos que
devem ser adotados na elaboracao das demonstracoes em aderencia aos
Pronunciamentos Tecnicos emitidos pelo CPC e aprovados pela CVM, vimos informar
que referida ressalva em absoluto aponta para o descumprimento de normas
contabeis, ao contrario, a ressalva dos auditores independentes ja vem sendo
incluida em seus relatorios desde as demonstracoes financeiras do exercicio
encerrado em 31 de dezembro de 2001 dando conta dos sucessivos prejuizos que a
companhia vem apresentando em face da paralisacao das atividades operacionais,
fato que compromete o processo de continuidade da companhia.

Sobre a paralisacao das atividades, em 01 de Julho de 1.999, aprovada em Reuniao
Extraordinaria do Conselho de Administracao em 15 de Abril de 1.999, conforme
Ata registrada na Junta Comercial do Estado de Sao Paulo sob o n. 178.988/99-6,
em Sessao do dia 13/10/99.

Assim sendo consideramos justificada a ressalva dos Auditores Independentes
sobre as demonstracoes financeiras da companhia, bem como, afirmar que a mesma
nao esta incorrendo em descumprimento de normas contabeis e de mercado.

Por fim, fica desde ja, esclarecido que durante esse periodo de paralisacao das
atividades da Companhia, a Administracao esta trabalhando no processo de
saneamento do passivo da Companhia, tendo inclusive realizado acordos
trabalhistas, renegociado as dividas tributarias com inclusao no Refis, bem como
buscando alternativas para liquidacao das debentures de sua emissao em
circulacao.

Compartilhe