Em mmxmineracao

MMX lidera perdas do Ibovespa na semana com queda de 8,11%

Ações devolvem parte dos ganhos de 25,64% em 2012, em semana mais curta por conta do feriado e de noticiário escasso da empresa

SÃO PAULO - As ações MMX (MMXM3) fecharam esta semana como principal baixa dentre os papéis que compõem a carteira teórica do Ibovespa, acumulando queda de 8,11%, encerrando esta sexta-feira (4) cotadas a R$ 8,38. No mesmo período, o benchmark da bolsa brasileira registrou queda de 1,41%.

Em semana mais curta por conta do feriado de 1º de maio e de noticiário corporativo escasso da companhia, as ações ordinárias da mineradora do grupo EBX devolveram parte dos fortes ganhos registrados desde o início do ano. Em 2012, o ativo MMXM3 registra valorização de 25,64%, enquanto o principal índice da BM&FBovespa avança 7,16%.

Nos quatro pregões desta semana, os papéis da mineradora figuraram entre as maiores quedas diárias do Ibovespa na segunda-feira (30), quando obtiveram a segunda maior desvalorização do índice, ao encerrarem a sessão em queda de 2,85% e cotadas a R$ 8,86.

Destaques de queda da semana
Entre as maiores quedas do Ibovespa, também tiveram destaque as ações da 
Metalúrgica Gerdau (GOAU4, R$ 21,26, -7,81%) Marfrig (MRFG3, R$ 9,90, -7,74%), Gerdau (GGBR4, R$ 16,44, -7,64%), B2W (BTOW3, R$ 7,78, -7,27%), Usiminas (USIM5, R$ 10,25, -6,99%),



 

Contato