Em minhas-financas / turismo

Dólar e euro em alta: quem está com viagem marcada calcula os prejuízos

 O euro tem alta de 6,71% só este mês

Dólar turismo
(Shutterstock)

SÃO PAULO - O dólar renova suas máximas nesta quarta-feira (22) e chegou a tocar em R$ 4,09. Além do dólar, outras moedas têm se fortalecido frente ao real. É o caso do euro, que teve uma alta de 6,71% só este mês. Na terça-feira (21) a moeda subiu 2,96% em relação ao real. A enfermeira Tatiane Costa conta que sofreu com a valorização da moeda. Ela embarca hoje para Florença, na Itália, onde vai fazer um curso de idiomas. "Decidi a viagem há cerca de 20 dias. Mas o prejuízo vai ser grande. Na semana passada, a moeda estava cerca de 13 centavos mais barata", afirma.

Na casa de câmbio em que Tatiane fez parte de sua compra, em um shopping da zona oeste de São Paulo, o euro era vendido a R$ 4,90, por volta das 15h30.

Mas nem todos se queixam da alta das moedas estrangeiras. Os produtores musicais e sócios Pedro Vinci e Fernando Rischbieter receberam em dólar por um trabalho feito no início do ano. "Quando combinamos o valor, a cotação do dólar estava R$ 3,80. Com a moeda a R$ 4, ganhamos um pouco mais." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Quer transferir seu dinheiro da poupança para investimentos que RENDEM MAIS com TAXA ZERO? Clique aqui e abra sua conta na Rico Investimentos

Contato