Em minhas-financas / turismo

Greve na Argentina cancela 17 voos no aeroporto de Guarulhos

Entre as companhias que operam voos para o país vizinho estão a Latam, Gol, Aerolíneas Argentinas, Ethiopian Airlines, KLM e Qatar

Aeroporto
(Shutterstock)

A greve na Argentina cancelou hoje (25) 17 voos no Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU Airport), em São Paulo. Foram afetadas 11 partidas para Buenos Aires e seis chegadas da capital argentina.

Entre as companhias que operam voos para o país vizinho estão a Latam, Gol, Aerolíneas Argentinas, Ethiopian Airlines, KLM e Qatar.

Em nota, a Gol informou que criou novos voos para atender à demanda, marcados para a noite de hoje e manhã de amanhã (26). A companhia orienta os passageiros a remarcar suas viagens conforme disponibilidade, sem a cobrança de taxas, ou solicitar reembolso ou crédito integral das passagens pelo site www.voegol.com.br, o aplicativo ou pelos telefones 0300 115 2121 e 0800 704 0465.

A Latam também cancelou todos os voos domésticos e internacionais para a Argentina. Os clientes podem reprogramar os seus voos antecipadamente pelo link www.latam.com/pt_br/apps/personas/mybookings#booking-list, pelo aplicativo, ou pelos telefones 0810-9999-526 (na Argentina), 4002-5700 (capitais brasileiras) ou 0300-570- 5700 (demais localidades do Brasil). É possível também alterar data ou horário sem multas até 15 dias após a data original do voo, mudança de rota ou o reembolso do bilhete não utilizado.

A Aerolíneas Argentinas adiantou voos para ontem, e os passageiros que não conseguiram antecipar a viagem podem pedir reembolso pelo mesmo canal que utilizaram para a compra. Os clientes que preferirem reprogramar os voos terão prazo de 15 dias, sem restrições, de acordo com a disponibilidade de lugares.

A Aerolineas Argentinas solicita aos passageiros que não compareçam aos aeroportos durante a greve hoje e reitera, uma vez mais, seu compromisso de oferecer o melhor serviço aos assageiros.

 

Contato