Startup Barkus revoluciona a educação financeira no Brasil

Iniciativa leva o tema à população de baixo poder aquisitivo e transforma a realidade de milhares de brasileiros

MoneyLab

Bia Santos e Marden Rodrigues, criadores da BARKUS

Publicidade

Um projeto que impacta diretamente a vida de pessoas que tinham pouco ou nenhum acesso à educação financeira. Esta é a startup de educação Barkus, criada pelos colegas de escola, Bia Santos e Marden Rodrigues, em 2016. Levar a conscientização e melhor compreensão em relação à organização financeira, crédito e investimentos para classes sociais com menor poder aquisitivo é a missão da empresa, que já vem transformando a vida de milhares pessoas.

Tendo a tecnologia como forte aliado, o principal produto da Barkus está presente na palma das mãos de seus usuários. A Iara, um chatbot humanizado que ensina educação financeira através do WhatsApp, possibilita que os usuários recebam mensagens de texto, vídeos, tarefas e perguntas através de uma jornada individual e automatizada, garantindo personalização e escala no processo educacional.

As empresas contratam a Iara para educar financeiramente seus funcionários e/ou clientes como um benefício, possibilitando que o usuário final não precise pagar por isso.

Masterclass

O Poder da Renda Fixa Turbo

Aprenda na prática como aumentar o seu patrimônio com rentabilidade, simplicidade e segurança (e ainda ganhe 02 presentes do InfoMoney)

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A solução digital da Barkus, Iara, é dividida em trilhas de aprendizagem que ajudam seus usuários a se organizarem financeiramente, utilizarem melhor o crédito e começarem a investir. Tudo isso de forma leve e divertida, através da conversa com o bot.

Pessoas que já mudaram o comportamento financeiro

“Com o curso, aprendi a guardar um pouco de dinheiro para necessidades. Agora, em cada venda que eu faço, tiro 10% para minha poupança, como se fosse o meu pagamento”, diz Josiane, uma das usuárias da solução, ao MoneyLab.

Continua depois da publicidade

“Descobri que estava usando meu cartão de crédito como renda extra, e que o dinheiro não sobra se você não prioriza que ele sobre. Grandes sonhos podem ser realizados dando um passo de cada vez”, diz Derssa, antiga usuária.

Números positivos

Neste ano, a Barkus Educacional triplicou seu faturamento, superando a crescente que apresentava até o fechamento do ano anterior. Ela também tem como meta ampliar o número de pessoas impactadas pelas suas soluções para, pelo menos, 235 mil ainda em 2021.

Um dado interessante é que ela aumentou, em média, 56% o índice de conhecimento financeiro dos seus participantes, e eleva o nível de letramento financeiro de 3,4 para 5,3, em uma escala de 7, em um curto período.

Já o NPS (Net Promoter Score), que mede o grau de satisfação do usuário, é de 94,05, índice muito expressivo para uma solução educacional, que aponta excelência a partir de 75 pontos.

Quanto ao índice que mostra a taxa média de conclusão da jornada de aprendizagem de educação financeira, a Barkus Educacional também apresenta resultados bastante acima da média em comparação a outras soluções educacionais online.

Hoje, a taxa média de conclusão de cursos digitais gira entre 5 e 15%, e a média da solução Iara é de 40%, o que reflete um alto grau de aproveitamento dos conteúdos e práticas compartilhadas com seus usuários.

Inclusão em todos os níveis

Para a Barkus, inclusão significa propor soluções que atendam a todas as pessoas, independentemente de suas especificidades. Inclusão e acessibilidade são temas presentes na pauta da startup, pensada em toda a jornada da solução.

Grande parte do público que utiliza a solução é de mulheres, de baixa renda e negras. E esses são os maiores grupos da nossa sociedade.

“Olhamos para o mercado e vemos diversas soluções de finanças pessoais, mas são poucas aquelas que focam, de fato, em compartilhar sobre o tema a partir de exemplos reais, com uma linguagem calorosa e que leve em consideração as barreiras digitais da nossa população”, diz Marden Rodrigues, CTO da empresa.

A startup se preocupa também com o acesso de pessoas com deficiência auditiva e, por isso, entra em contato e acompanha a experiência dos usuários que apontam precisar de recursos.  Até hoje, todos os usuários que tiveram atendimento personalizado se sentiram confortáveis com o formato e cadência dos vídeos.

“Mais do que apresentar os benefícios da educação financeira para as pessoas, nós, da Barkus, queremos revolucionar este setor e gerar impacto significativo nas suas vidas, principalmente para o público das classes C e D”, afirma Bia Santos, CEO da startup.

“Independentemente das particularidades e momento de vida, é possível alcançar mais tranquilidade financeira, e a educação é a peça-chave dessa jornada. Lidar melhor com o dinheiro, pensar a forma ideal de empregá-lo e utilizar plenamente os serviços financeiros é fundamental para diminuirmos as desigualdades do nosso país”, conclui.

A Barkus lançou uma trilha de aprendizagem aberta da Iara, que está disponível gratuitamente no site da startup. Para conhecer, basta acessar e conferir mais da solução clicando aqui.

Reconhecimento que reforça a assertividade da sua trajetória

Com cases que evidenciam o comprometimento social e a efetividade das soluções de educação financeira, a Barkus conquistou o primeiro lugar entre as 5 startups vencedoras do programa Meu Bolso em Dia da Febraban, em parceria com o Banco Central, que selecionou, entre mais de 90 projetos, iniciativas que buscam contribuir com a educação financeira no País. Esse destaque garantiu um aporte financeiro do programa para o negócio continuar impactando positivamente a sociedade.

MoneyLab

MoneyLab é o laboratório de conteúdo de marcas do InfoMoney. Publicidade com criatividade e performance a favor de grandes ideias. Publicamos conteúdos patrocinados para clientes e parceiros.