Renegociação do Fies 2022 começa nesta segunda com até 92% de desconto

Prazo para renegociação vai até 31 de agosto; veja quem pode aderir e todas as condições e descontos possíveis

Equipe InfoMoney

Ilustração (Getty Images)

Publicidade

O governo federal abriu nesta segunda-feira (7) um novo prazo de renegociação de dívidas antigas do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). Os descontos são de até 92% sobre o valor total da dívida, e a renegociação pode ser feita até 31 de agosto.

Para poder renegociar sua dívida, ela deve estar com mais de 90 dias de atraso (em 30 de dezembro de 2021) e o contrato deve ter sido assinado até 31 de dezembro de 2017 e estar em fase de quitação.

Atualmente, ao menos 2 milhões de contratos do Fies estão na fase de quitação, com um saldo devedor de R$ 87,2 bilhões, e a taxa atual de inadimplência é de 51,7%, segundo a Agência Brasil.

Masterclass

O Poder da Renda Fixa Turbo

Aprenda na prática como aumentar o seu patrimônio com rentabilidade, simplicidade e segurança (e ainda ganhe 02 presentes do InfoMoney)

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A nova renegociação pode beneficiar cerca de 1,3 milhão de estudantes que têm um saldo devedor de aproximadamente R$ 35 bilhões, segundo a Rádio Nacional.

Na Caixa Econômica, a expectativa é de que até 800 mil estudantes com dívida média de R$ 35 mil façam a renegociação de seus contratos de forma 100% digital. No Banco do Brasil, mais de 500 mil estudantes estão com o Fies em atraso.

O desconto máximo de 92% vale para contratos com mais de 360 dias de atraso em 30 de dezembro de 2021, de estudantes que fazem parte do Cadastro Único ou que tenham recebido o Auxílio Emergencial.

Continua depois da publicidade

Cancelamento e atraso

Após assinatura do refinanciamento, o estudante perderá o direito ao refinanciamento e o desconto inicial aplicado será cancelado caso não pague três parcelas da dívida renegociada.

Em caso de atraso, serão aplicados juros moratórios de 1% ao mês sobre o valor da parcela em aberto e multa de 2% sobre o total das parcelas restantes.

Veja, a seguir, todas as condições e descontos possíveis:

Requisitos para renegociar

  • Ter contratado o Fies até 31 de dezembro de 2017
  • Estar inadimplente há mais de 90 dias no dia 30 de dezembro de 2021
  • Estar com o contrato na fase de amortização

Contratos com mais de 90 e até 360 dias de atraso

  • Pagamento à vista: desconto de 100% sobre juros e encargos pelo atraso e desconto de 12% sobre o valor principal
  • Pagamento parcelado: desconto de 100% sobre juros e encargos pelo atraso e parcelamento em até 150 vezes. As parcelas são fixas, mensais e no valor mínimo de R$ 200.

Contratos com mais 360 dias de atraso

Para estudantes que fazem parte do Cadastro Único ou que tenham sido beneficiários do Auxílio Emergencial 2021:

Para estudantes que não fazem parte do Cadastro Único e que não receberam o Auxílio Emergencial 2021:

Veja a cartilha completa da Caixa sobre a renegociação 2022 do Fies.

* Com informações da Agência Brasil e da Rádio Nacional.

Planeje seus gastos