Em minhas-financas / precos

Alimentação impulsiona alta do IPC-S na primeira semana de outubro

Inflação subiu para 0,64%; Vestuário e Habitação também contribuíram para o resultado

Arroz e Feijão
(Getty Images)

SÃO PAULO – A inflação medida pelo IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal) subiu para 0,64% na primeira semana de outubro. O resultado é 0,10 ponto percentual maior que o registrado na última semana de setembro.

O índice, calculado pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) e divulgado nesta segunda-feira (8), mostrou que seis das oito classes de despesas componentes do índice apresentaram resultados maiores em suas taxas de variação, com destaque para o grupo Alimentação, que passou de 1,23% para 1,38%.

De acordo com a FGV, o resultado do grupo reflete o comportamento do arroz e feijão, que passaram de 3,95% para 5,38%.

Outros grupos
Além do grupo Alimentação, contribuíram para o aumento da inflação na semana os grupos Vestuário (0,60% para 1,10%), Habitação (0,40% para 0,49%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,42% para 0,51%), Comunicação (0,51% para 0,62%) e Despesas Diversas (0,25% para 0,35%).

Nestes grupos, as influências vieram dos itens roupas (0,74% para 1,18%), taxa de água e esgoto residencial (0,72% para 1,00%), artigos de higiene e cuidado pessoal (0,57% para 0,88%), tarifa de telefone móvel (0,89% para 1,28%) e alimentos para animais domésticos (0,92% para 1,51%), respectivamente.

Em contrapartida, duas classes de despesa apresentaram decréscimo em suas taxas de variação: Transportes (0,14% para 0,13%) e Educação, Leitura e Recreação (0,07% para 0,01%). Para cada uma destas classes de despesa, vale mencionar o comportamento dos itens: serviços de oficina (0,69% para 0,00%) e excursão e tour (1,47% para -1,21%), nesta ordem.

Grupo31/09/2012
(em %)
 31/09/2012
(em %)
Alimentação 1,23 1,38
Habitação 0,40 0,49
Vestuário 0,60 1,10
Saúde e Cuidados Pessoais 0,42 0,51
Educação, Leitura e Recreação 0,07 0,01
Transportes 0,14 0,13
Despesas Diversas 0,25 0,35
Comunicação 0,51 0,62

 

Contato