Em minhas-financas / planeje-suas-financas

6 gastos que você não deve cortar, segundo especialista em finanças

Vale a pena manter determinados gastos, mesmo enquanto economiza

Roupas lavadas
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Parar de gastar em excesso é o primeiro passo para conquistar a estabilidade e a independência financeira. Mas como calcular o que é excesso?

Kimberly Palmer, especialista em gestão financeira e estudiosa de cases relacionados a boas práticas em finanças pessoais, respondeu ao Business Insider. Após estudar o hábito de pessoas bem-sucedidas financeiramente, a especialista listou 6 produtos e serviços que devem ser mantidos no orçamento mensal - ou, ao menos, não devem ser os primeiros a sair em momentos de aperto. 

Confira: 

  1. 1. Produtos que podem gerar mais renda
  2. Esta é uma gama relativamente ampla de produtos, que inclui, por exemplo, um conjunto de peças de roupas arrumado para entrevistas de emprego ou primeiro dia após a contratação. Dependendo da profissão, um carro funciona da mesma maneira.
  3. Um bom computador também faz parte desta lista: ganhar dinheiro extra pela internet nunca foi tão comum, e ter uma máquina velha e inoperante pode travar essa possibilidade. 
  4. 2. Serviços que economizam tempo
  5. Muitas vezes, ter tempo para realizar tarefas é mais importante do que economizar dinheiro. Pedir delivery de supermercado, por exemplo, ou mandar as roupas para a lavanderia, pode economizar horas valiosas do dia de um profissional autônomo - ou mesmo de alguém cuja rotina demanda descanso. "A melhor coisa que você pode fazer com dinheiro é liberar tempo", diz a especialista. 
  6. 3. Cartões com programas de fidelidade
  7. Mesmo com altas taxas de manutenção, cartões de crédito com bons programas de fidelidade e milhas podem ser interessantes para clientes fiéis que realmente utilizam estes benefícios. Não vale necessariamente para todos, mas a especialista indica àqueles que viajam muito ou gastam o suficiente para trocar pontos por bons produtos no fim do mês. 
  8. 4. Utensílios de cozinha de alta qualidade
  9. Comer em casa sempre será mais barato do que gastar em restaurantes. Por isso, Palmer acredita que gastar em bons jogos de panelas ou até mesmo uma máquina de café pode ser um investimento. 
  10. 5. Experiências
  11. Yoga, treinamento funcional e outras atividades que oferecem saúde e energia não devem ser negligenciadas nos gastos mensais. 
  12. 6. Pequenos prazeres
  13. Desde que bem selecionados, gastos com objetos que dão prazer são importantes. Para quem ama fotografia, comprar uma boa câmera não é jogar dinheiro fora, por exemplo. 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Abra uma conta na XP.

 

Contato