Em minhas-financas / impostos

Declaração do IRPF 2014 pode ser elaborada em dispositivos móveis

90% dos contribuintes poderão utilizar o aplicativo

App Pessoa Física
(Divulgação)

SÃO PAULO – A Receita Federal divulgou na última sexta-feira (21) as regras para a declaração do Imposto de Renda para Pessoa Física de 2014. A novidade, é que os contribuintes poderão elaborar e enviar o documento através de dispositivos móveis.

Com o APP Pessoa Física é possível preencher, salvar, recuperar ou transmitir a declaração, trazendo mais simplicidade e agilidade ao processo. O contribuinte pode salvar um rascunho da declaração e continuar o preenchimento em outro momento, inclusive em outro dispositivo móvel e a transmissão da declaração é feita de forma simples, sem a necessidade da instalação de outros aplicativos.

Entre as funcionalidades está a possibilidade de declarar dívidas e ônus reais, imposto pago, rendimentos recebidos de pessoa física, rendimentos isentos e rendimentos com tributação exclusiva.

Somente 10% dos contribuintes não poderão utilizar o aplicativo, entre eles estão aqueles  com doação efetuada no ano-calendário e no exercício; com rendimentos recebidos acumuladamente, recebidos no exterior ou com exigibilidade suspensa; e que precisem importar valores dos aplicativos auxiliares.

 

Contato