Em minhas-financas / gadgets

Golpes via WhatsApp são alvo de operação da Polícia Federal

Policiais Federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão e dois  mandados de prisão preventiva nos estados do Maranhão e Mato Grosso do Sul 

WhatsApp
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (17), a Operação Swindle, com objetivo de desarticular grupo que realizava clonagens de números telefônicos para aplicar golpes via WhatsApp. Swindle significa “fraude” em inglês.

Policiais Federais cumprem cinco mandados de busca e apreensão e dois  mandados de prisão preventiva nos estados do Maranhão e Mato Grosso do Sul expedidos pela Justiça Federal em Brasília.

O grupo abria contas bancárias falsas e utilizava contas "emprestadas” pelos participantes para receber valores provenientes das fraudes aplicadas em razão do desvio dos terminais telefônicos, em que os agentes criminosos se “apossavam” das contas de WhatsApp de autoridades públicas e, fazendo-se passar por elas, solicitavam transferências bancárias das pessoas constantes de suas listas de contato.

Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de invasão de dispositivo informático, estelionato e associação criminosa.

 

Quer investir seu dinheiro da restituição com assessoria especializada e GRATUITA? Clique aqui e abra sua conta na XP Investimentos

 

Contato