Em minhas-financas / gadgets

Estudante recebe R$ 135 mil por encontrar falha no sistema do Google

A empresa possui um programa de recompensas para situações como essa - que paga desenvolvedores independentes como o jovem  

Ezequiel Pereira
(Reprodução)

SÃO PAULO - Ezequiel Pereira, um estudante de 18 anos de Montevidéu, no Uruguai, foi premiado com US$ 36 mil (cerca de R$ 135 mil) por descobrir uma falha no sistema operacional do Google. A empresa possui um programa de recompensas para situações como essa - que paga desenvolvedores independentes como o jovem. 

A falha encontrada pelo estudante foi no aplicativo Engine, um espaço de testes do Google Cloud para desenvolvedores de apps. Havia uma brecha que permitia que qualquer pessoa entrasse no sistema da empresa fingindo ser um funcionário com computador com acesso remoto. 

Ele enviou a carta notificando o Google sobre essa falha em fevereiro deste ano, mas só neste mês no último dia 16 a empresa anunciou que corrigiu o erro e que pagou o jovem. 

Curioso é que, não é a primeira vez que Pereira ganha dinheiro com esse programa do Google. Em 2016, ganhou US$ 500 (cerca de R$ 1.900) e em 2017 mais US$ 10 mil, (cerca de R$ 37.400). 

Em entrevista ao site CNBC, o jovem afirmou que está guardando o dinheiro das recompensas para investir na sua carreira no futuro. Ele procura por vulnerabilidades apenas no sistema do Google, embora outras grandes empresas também ofereçam programas como esse. 

Em 2017, o Google distribuiu US$ 2,9 milhões para 274 pessoas que encontram falhas em seu sistema. O maior prêmio foi de US$ 112,5 mil. 

Quer juntar dinheiro para investir em empresas? Abra uma conta na XP. 

 

Contato