Em minhas-financas / gadgets

Golpe oferece desconto em corridas de Uber para roubar informações de usuários

Hackers já roubaram US$ 172 bilhões de 978 milhões de consumidores em 20 países no último ano

Hackers
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Um novo golpe foi detectado nesta semana e usa um suposto desconto de R$ 100 nos serviços da Uber para roubar dados de usuários. Segundo a Norton, empresa de segurança da informação que descobriu a farsa, o objetivo dos cibercriminosos é roubar dados pessoais e financeiros das vítimas.

Ao acessar o link enviado no e-mail, a vítima é redirecionada para uma página na qual é induzida a cadastrar-se na Uber para receber o desconto, explica a Norton. Veja:

golpe_uber

Ao clicar no botão de cadastro, o usuário é redirecionado para uma página com layout semelhante a da Uber, onde são requisitados dados como nome, CPF, telefone, além de informações do cartão de crédito.

Ao completar os dados, um pop-up confirmando o "sucesso no cadastro" é apresentado e a vítima é, enfim, redirecionada para a página oficial de login da Uber.

"Este tipo de golpe não é novo, mas ver que uma campanha como essa continua afetando milhares de pessoas reforça a atenção que o usuário deve ter com promoções de empresas populares. Sempre desconfie de promoções muito vantajosas, principalmente se não for capaz de confirmar a procedência", afirma Nelson Barbosa, especialista em segurança da Norton.

Os consumidores acreditam estar seguros e protegidos online, porém os hackers têm provado o contrário, roubando US$ 172 bilhões de 978 milhões de consumidores em 20 países no último ano, de acordo com levantamento da Norton de 2017. "As pessoas estão se tornando mais confiantes a medida que vão ganhando experiência no mundo digital e acreditam correr baixo risco de se tornar vítima de crimes virtuais" finaliza Nelson.

 

Contato