Em minhas-financas / gadgets

Android P traz mudança mais ambiciosa do Google em anos; conheça

Novo sistema operacional móvel do Google cria ferramentas para cliente usar menos o celular

Android - escritório Google em Toronto
(Mark Blinch/Reuters)

SÃO PAULO - Durante sua conferência anual para desenvolvedores o Google anunciou nesta terça-feira algumas das ferramentas essenciais do Android P, atualização do seu sistema operacional móvel. Ao testar o sistema, o The Verge classificou a atualização como a "mais ambiciosa em anos"

Fundamentalmente, boa parte das novidades possibilitam que o usuário mexa menos no celular. Uma delas é a possibilidade de visualizar quanto tempo cada app fica em uso e limitar esses períodos: meia hora de Instagram ao dia no máximo, por exemplo. Acabando este período, o ícone do app muda e fica preto e branco.  

Esta e outras funcionalidades fazem parte do que o Google chamou de "bem estar digital". Elas estarão disponíveis simultaneamente em 11 aparelhos de uma só vez - o que também é novidade, já que o Google normalmente fornece as atualizações de pouco em pouco. 

Em outras frentes, a empresa passa a apostar em gestos como forma de utilizar o aparelho, de forma semelhante ao iPhone. Também será facilitado o acesso a funcionalidades que costumam ficar "trancadas" dentro de aplicativos específicos. Para o usuário, isso fará toda a diferença - ainda mais considerando que a última atualização do Android foi principalmente interna. 

Disponível inicialmente apenas para desenvolvedores, o Android P ainda não tem seu "nome completo" divulgado. Normalmente, os nomes são doces (como Marshmallow ou Kitkat). 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Abra uma conta na XP.

 

Contato