Em minhas-financas / credito

Governo anuncia crédito de R$ 500 milhões para caminhoneiros e R$ 2 bilhões em obras

Benefício é restrito a quem tem até 2 caminhões e visa a compra de pneus e manutenção dos veículos; BNDES garante R$ 500 milhões na primeira leva

SÃO PAULO – Caminhoneiros autônomos com até 2 caminhões poderão solicitar ao BNDES uma linha de crédito de R$ 30 mil para compra de pneus e manutenção dos veículos. Para a primeira liberação de crédito, o BNDES garantirá R$ 500 milhões.

No primeiro momento, o acesso à linha de crédito poderá ser feito pelos bancos públicos, BB e Caixa. Os demais bancos deverão oferecer o produto no futuro.

O anúncio foi feito pelo ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, em coletiva de imprensa sobre um pacote de medidas para o transporte rodoviário. A ideia é diminuir o descontentamento do setor após uma nova ameaça de greve em março.

Outras medidas anunciadas pelo governo incluem investimentos de R$ 2 bilhões em melhorias e manutenção de estradas, incluindo a BR-163, que liga o Centro-Oeste ao Norte, que ainda não está pronta. O ministro disse que será feito um rateio entre os ministérios para garantir esses recursos. "A gente vai fazer como faz em casa, economiza o máximo para aplicar depois", disse Onyx. 

Também foi anunciada a criação de um documento eletrônico de transporte, unindo diversos documentos necessários à atividade, para facilitar que os caminhoneiros estejam sempre com identificação em dia, além de uma reformulação da tabela de frete. 

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, também mencionou a criação de um programa que inclui um piso mínimo de pagamento aos caminhoneiros; a fiscalização desse pagamento; regulação de pontos de parada e descanso para as viagens; um marco regulatório; uma agenda multimodal; aposentadoria; corporativismo; segurança e o preço do diesel. 

Invista melhor o seu dinheiro. Abra uma conta gratuita na XP. 

 

Contato