Em minhas-financas / credito

Demanda do consumidor por crédito cai 3,2% no 1º tri, diz Serasa

Maior queda na procura por crédito no trimestre passado ocorreu na faixa de renda mais baixa, de consumidores com rendimento de até R$ 500 mensais

SÃO PAULO - A demanda dos consumidores por crédito caiu 3,2% no primeiro trimestre ante o mesmo período do ano passado, influenciada por altas da inflação e de juros e pelo menor grau de confiança na economia, informou a Serasa Experian nesta segunda-feira.

Em março apenas, a demanda por crédito recuou 7,5% sobre um ano antes e na comparação com fevereiro houve alta de 1,9%.

Segundo o detalhamento da Serasa por faixas de renda, a maior queda na procura por crédito no trimestre passado, de 25,1%, ocorreu na faixa de renda mais baixa, de consumidores com rendimento de até 500 reais mensais.

Na faixa de renda de 500 a 1.000 reais por mês, a queda foi de 7,8%, enquanto nas faixas de 1.000 a 2 mil e de 2 mil a 5 mil reais houve recuo de 1,3% e 7,7%, respectivamente.

Entre quem ganha 5 mil a 10 mil reais por mês, a queda foi de 13% no primeiro trimestre, e na faixa de renda mais alta, acima de 10 mil reais, a procura recuou 13,7%, segundo a Serasa.

Por regiões, a queda da procura por crédito no primeiro trimestre foi mais expressiva no Centro-Oeste, 7,8%. No Sudeste houve recuo de 4,1%, seguido por quedas de 2,7% no Norte, 1,4% no Sul e de 0,3% no Nordeste.

 

Contato