Em minhas-financas / credito

Prazo médio de financiamentos para pessoa física cresce 388,8% em dez anos

Considerando pessoa física e jurídica, houve alta de 426% no período

empréstimo crédito

SÃO PAULO - O prazo médio de financiamentos para pessoas físicas cresceu 388,8% nos últimos dez anos, segundo revelam dados divulgados nesta terça-feira (17) pela Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).

De acordo com o levantamento, em junho de 2003, o prazo médio de financiamentos para pessoa física era de 9,8 meses, enquanto em igual mês deste ano, este prazo passou para 47,9 meses, um acréscimo de 38,1 meses.

Considerando pessoa física e jurídica, houve alta de 426% no período, passando de 7,3 meses para 31,1 meses.

Crédito
Ainda conforme levantamento da Anefac, nos últimos dez anos, as condições de crédito no país apresentaram melhoras, pois além do aumento nos prazos de financiamento, houve forte expansão do volume emprestado, redução das taxas de juros, diminuição dos spreads bancários e da inadimplência.

“Com referência ao volume de crédito tivemos entre 2003 e 2013 uma forte expansão, crescendo mais de 500%, passando de 24,7% do PIB em 2003 para 55,2% em 2013. Não obstante esta expansão é fato que o volume total do crédito do país ainda é baixo quando comparado às principais economias onde este número atinge mais de 100% do PIB destas economias, o que demonstra que temos ainda um ambiente favorável à expansão de crédito”, analisa o diretor executivo de estudos e pesquisas da Associação, Miguel José Ribeiro de Oliveira.

Juros
No que diz respeito às taxas de juros, estas atingiram a média de 34,9% ao ano no sexto mês de 2013. Dez anos antes, este percentual era 81,4%.

Ao analisar pessoa física e jurídica, as taxas eram, em média, de 56,7% ao ano em junho de 2003 e passaram para 26,5% ao ano em junho passado.

Quanto à inadimplência, esta era de 8,8% em junho de 2003 e alcançou 5,2% em junho deste ano. No caso da pessoa física, os números ficaram em 15,5% e 7,2%, nesta ordem.

 

Contato