Em minhas-financas / consumo

Greve: gasolina comum e etanol acabaram em São Paulo, diz Sincopetro

Mesmo que os caminhoneiros voltem ao seu trabalho, a normalização do abastecimento levará sete dias

carro combustível
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Os postos de combustíveis da capital paulista e da Grande São Paulo já não possuem gasolina comum e etanol à disposição, segundo o presidente do Sincopetro (Sindicato Comércio Varejista Derivados Petróleo Estado São Paulo), José Alberto Paiva Gouveia, em entrevista ao Bom Dia São Paulo, programa da Rede Globo. Apenas diesel e gasolina aditivada ainda podiam ser encontradas pelos motoristas na manhã desta sexta-feira (25).

De acordo com Gouveia, mesmo que os caminhoneiros voltem ao seu trabalho, a normalização do abastecimento levará sete dias. 

A região metropolitana de São Paulo tem 2,1 mil postos de combustíveis.

 

Contato