Em minhas-financas / consumo

Quatro dicas para aproveitar melhor as liquidações de inverno

Fundação Procon-SP preparou dicas para que o consumidor não tenha dores de cabeça no futuro e não comprometa as finanças

70% off
(Getty Images)

SÃO PAULO - A estação mais fria do ano começou há menos de um mês, mas muitas lojas já iniciaram o período de liquidações de inverno.

Assim, para que o consumidor não tenha dores de cabeça no futuro e não comprometa as finanças, a Fundação Procon-SP preparou algumas dicas. Confira:

1 – Olhe folhetos. A primeira dica da Fundação é para o consumidor verificar, por meio de folhetos publicitários, cartazes, entre outros, as promoções pertinentes. A medida ajuda a definir previamente os itens a serem adquiridos, evitando as compras por impulso. Além disso, o CDC (Código de Defesa do Consumidor) determina que toda a oferta de produtos seja cumprida pelo fornecedor que a publicou.

2 – Exija o detalhamento dos defeitos. O consumidor deve exigir que a loja coloque na nota fiscal, recibo ou pedido, de forma detalhada, os problemas apresentados em itens vendidos com pequenos defeitos, como roupas com manchas, descosturadas, etc.

3 – Troca não é obrigatória. Quando o assunto é a troca de produtos, vale lembrar que, de acordo com o CDC, os fornecedores não são obrigados a trocar os itens adquiridos - por motivo de cor, tamanho ou gosto. A loja só terá que trocar a mercadoria caso tenha prometido, por escrito, em etiquetas ou nota fiscal, por exemplo.

4 – Indague sobre a forma de pagamento. Segundo o Procon-SP, é sempre bom perguntar quais são as opções oferecidas pelas loja e compará-las com suas possibilidades. Além disso, para valores pagos à vista, existe a possibilidade de barganhar descontos. Vale lembrar, que nos pagamentos efetuados com cartão de crédito e débito.

 

Contato