Em minhas-financas / carros

Entenda por que a Mercedes cobra R$ 900 mil para pintar qualquer carro com cor exclusiva

 A justificativa para o preço tão elevado é a complexidade do processo, que sai completamente da linha de montagem tradicional

Mercedes Benz
(divulgação/Facebook)

Leia também:

SÃO BERNARDO DO CAMPO – Pintar um Mercedes-Benz da cor que você quiser pode sair muito caro. O cliente que quiser a exclusividade de escolher a cor e sua tonalidade fora da gama disponível pela montadora vai precisar pagar quase 200 mil euros (cerca de R$ 900 mil na conversão atual), de acordo com o gerente sênior de vendas da marca, Dirlei Dias. “Ele poderá ter um carro único no mundo”, diz.

 A justificativa para o preço tão elevado é a complexidade do processo, que sai completamente da linha de montagem tradicional. “O processo de pintura do veículo é praticamente manual. O carro precisa ser desmontado peça por peça”, afirma.

Até agora nenhum cliente brasileiro fez o pedido de cor exclusiva. Mesmo na Alemanha, onde os carros logicamente são comercializados em euro, o preço é considerado altíssimo. “É o valor de um modelo GT R”, afirma Dias.

Como o preço da pintura independe do modelo do veículo, normalmente (e logicamente) são os clientes que compram carros mais caros da marca que buscam essa exclusividade. “É mais comum nas SLS, GT R ou na Classe S”, afirma.

Quer investir melhor? Clique aqui e abra uma conta na XP Investimentos

Para evitar qualquer mal-entendido, a montadora aconselha que os clientes façam uma visita ao local da pintura, na Alemanha, para conferir se a cor realmente está de acordo com as suas expectativas quando aplicada no metal. “Ele manda para nós uma amostra da cor, e o estúdio da AMG, que fica na cidade de Affalbaterbach, desenvolve a cor. Nós pintamos uma placa de metal e mostramos para o cliente. Às vezes, a cor naquele material não fica exatamente como ele esperava, então é melhor fazer o teste antes”, aconselha.

Pintura de R$ 200 mil   

No Brasil, um cliente já fez um pedido de cor em uma tonalidade especial (diferente da exclusiva) que custou R$ 200 mil em um AMG S cupé. “A pintura chama blue color Yosemite”. Nas cores padrão, o AMG S 63 coupé custa R$ 919,9 mil.

 

Contato