Em minhas-financas / carros

Placas do Mercosul ganham nova data para passar a valer no Brasil

Após suspender a resolução que adota as placas do padrão Mercosul para os veículos, o Contran informou que nesta sexta-feira (11) um ajuste na regra

Placas padrão Mercosul
(Divulgação/Rodrigo Nunes/Ministério das Cidades)

SÃO PAULO - Após suspender a resolução que adota as placas do padrão Mercosul para os veículos, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) informou que nesta sexta-feira (11) um ajuste na regra. A implementação foi adiada para dia 1° de dezembro deste ano. 

A mudança das placas em veículos de todo o país, já adotado por Argentina e Uruguai, seria implementada até primeiro de setembro deste ano – para carros novos. Para os usados o prazo era até 2023.

A mudança das placas é um assunto que vem sendo discutido há algum tempo, considerando que a ideia foi apresentando em 2014. Mas as decisões de mudança já foram adiadas algumas vezes para o Brasil. 

Em um primeiro momento, as placas deveriam ter sido adotadas em janeiro de 2016, mas foi adiada para 2017 e depois por tempo indeterminado. 

O coordenador-Geral de Gestão da Informação do Ministério dos Transportes, Rone Barbosa, explicou que o objetivo da mudança é oferecer mais segurança para o cidadão e no combate ao “crime sobre rodas”. “Nessa questão o que é menos importante é o designer. O mais importante é a mudança do processo. É a partir daí que a gente garante credibilidade e combate o crime sobre rodas. Nosso foco é a segurança da placa”, afirmou Rone.

Inclusive marcas d'água estarão marcadas na diagonal da placa, para evitar falsificações. De acordo com o Ministério das Cidades, apenas o Denatran poderá credenciar as empresas fabricantes de placas, diferentemente do modelo atual, de responsabilidade de cada órgão de fiscalização estadual (Detran).

Quer investir melhor seu dinheiro? Abra uma conta na XP. 

 

Contato