Nova data

Banco Central atrasa em quase um mês o início da Fase 2 do Open Banking

Início, que antes estava previsto para amanhã (15), acontecerá apenas em 13 de agosto

SÃO PAULO – O Banco Central informou nesta quarta-feira (14) que decidiu alterar o cronograma do início do lançamento da Fase 2 do Open Banking, que envolve o compartilhamento de dados cadastrais e transacionais de clientes, mediante seu consentimento prévio.

Com a mudança, o início, que antes estava previsto para amanhã (15), acontecerá apenas em 13 de agosto.

De acordo com o BC, a mudança no calendário é resultado de um pedido formal de governança do Open Banking, dado que as instituições participantes estão finalizando os testes para a obtenção de certificações para homologação e registro de suas APIs.

“O Banco Central reforça o seu compromisso para que o Open Banking alcance os seus objetivos, no caso de maior concorrência, eficiência do sistema financeiro e inclusão financeira da população, permanecendo vigilante no processo de implementação, não economizando esforços para isso”, escreveu a autoridade monetária, em nota.

Leia também:
Como o Open Banking coloca o cliente no centro do mundo financeiro

O Open Banking, ou sistema financeiro aberto, é uma maneira de levar, de forma simples e segura, os dados de uma instituição financeira para a outra. A promessa por trás da iniciativa é que trocar de banco será tão fácil quanto mudar a operadora do celular.

Dados do perfil financeiro de clientes – muitas vezes guardados a sete chaves pelos grandes bancos – poderão ser compartilhados livremente entre eles próprios e com fintechs e concorrentes digitais.

A expectativa do Banco Central é desencadear uma onda inédita de competição no setor bancário, um dos mais concentrados da economia brasileira.

“Com a abertura das plataformas de serviços e de dados e o estímulo à livre concorrência e aos novos entrantes, espera-se o aumento da competição no sistema financeiro, fato que poderá contribuir para a redução dos custos dos serviços e do crédito”, disse ao InfoMoney Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nesta semana, o InfoMoney está realizando uma série de lives sobre Open Banking com integrantes dos grupos técnicos do Banco Central e executivos de mercado para falar sobre oportunidades, desafios e riscos da nova iniciativa.

As lives sobre o beabá do Open Banking e a dos ensinamentos da experiência internacional, realizadas na segunda e terça-feira, respectivamente, podem ser assistidas no YouTube do InfoMoney.

Nesta quarta-feira (14), os leitores podem tirar suas dúvidas sobre regulação, segurança e experiência do cliente, às 18h30. E amanhã (15), Ricardo Amorim, economista e CEO da Ricam Consultoria Empresarial, fala sobre como o Open Banking muda o mercado financeiro e a vida das pessoas. Confira a programação completa aqui.

Como calcular créditos e empréstimos?
Baixe de graça uma planilha para simular o valor das prestações, o custo dos juros, as linhas mais atrativas e as instituições com as menores taxas:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.