Em minhas-financas / aposentadoria

Aposentadoria ou pensão representa 66,2% da renda dos idosos brasileiros

Para o grupo de pessoas de 60 anos ou mais de idade, 23,7% não recebiam aposentadoria ou pensão

Idosa cozinhando
(getty images)

SÃO PAULO - A principal fonte de rendimentos de idosos de 60 anos ou mais de idade foi a aposentadoria ou pensão, representando 66,2% em 2012. Já para o grupo de 65 anos ou mais, a participação desta fonte de renda sobe para 74,7%.

As informações são da SIS 2013 (Síntese de Indicadores Sociais), elaborado pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) com base nos rendimentos individuais captados pelas PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio).

Para o grupo de pessoas de 60 anos ou mais de idade, 23,7% não recebiam aposentadoria ou pensão, enquanto 7,8% acumulavam os dois benefícios. Já 27,1% dos idosos trabalharam em 2012, sendo que 15,3% das pessoas eram ocupadas e aposentadas e o tempo médio semanal dedicado ao trabalho foi de 34,7 horas. Para as pessoas de 65 anos ou mais de idade, a taxa de ocupação foi de 19,4%.

Perfil
O IBGE também levantou o perfil dos idosos no País. A maioria das pessoas com mais de 60 anos é do sexo feminino (55,7%), branca (54,5%) e mora em áreas urbanas (84,3%). Mais de 76% dos entrevistados recebiam algum benefício da previdência social, sendo que 76,2% dos homens e 59,4% das mulheres eram aposentados.

Ainda, 47,8% tinham rendimento de todas as fontes superior a um salário mínimo, mas cerca de 43% residiam em domicílios com rendimento mensal per capita igual ou inferior a um salário mínimo.

 

Contato