Pandemia

Anvisa adia liberação de autoteste de Covid no país e cobra mais dados de Queiroga

Agência avalia que faltam regras sobre a notificação de casos positivos a partir deste tipo de testagem

Por  Equipe InfoMoney -

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) adiou, nesta quarta-feira (19), a liberação de uso dos autotestes para detectar infecção por Covid-19 no país.

A maioria da diretoria colegiada da agência (4 votos a 1) entendeu que o Ministério da Saúde, chefiado por Marcelo Queiroga, precisa criar um conjunto de regras para direcionar a notificação dos casos positivos a partir deste tipo de testagem, que pode ser feita em casa.

O Ministério da Saúde pediu à agência a liberação dos autotestes com o argumento de que o uso desses exames seria uma estratégia complementar ao plano de testagem adotado durante a pandemia. Essa medida permitiria a ampliação do número de testes.

A oferta de mais exames permitiria, segundo a pasta, mais agilidade na identificação de casos de infecção pelo coronavírus e a adoção das providências recomendadas, especialmente o isolamento para combater a circulação do vírus.

A majoração dos testes também seria fundamental para evitar sobrecargas no sistema de saúde, que “já estão muito além de sua capacidade de atendimento”, disse a pasta da Saúde.

A diretora relatora, Cristiane Rose Jourdan Gomes, foi a única que aprovou a liberação do autoteste mesmo sem as normativas claras do Ministério da Saúde.

“O uso dos autotestes pode representar uma estratégia de triagem, uma vez que poderia iniciar rapidamente os casos positivos e as ações necessárias para interrupção da cadeia de transmissão”, disse Gomes, em seu voto, complementando que os autotestes poderiam se juntar a outras estratégias preventivas contra o coronavírus, como o uso de máscara e o distanciamento social.

Os demais integrantes do colegiado entenderam que a pasta da Saúde do governo de Jair Bolsonaro (PL) precisa estruturar o mecanismo de autotestagem.

A Anvisa deu prazo de 15 dias para ter acesso a novas informações sobre os autotestes e, só depois disso, voltará a analisar o assunto.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe