Wall Street amplia rali liderado por IA; Nvidia ultrapassa US$ 2 tri em valor de mercado

"Os investidores estão cada vez mais jogando a cautela para cima e perseguindo essa surpreendente rali de tecnologia", aponta analista

Lara Rizério

Business And Finance Concept Of A Bull Market Trend

Publicidade

(Reuters) – Os principais índices de Wall Street ampliavam os ganhos nesta sexta-feira e a Nvidia saltou acima de 2 trilhões de dólares em valor de mercado pela primeira vez em meio ao frenesi da IA que tomou conta do mercado desde o balanço da fabricante de chips.

O S&P 500 e o Dow Jones subiram para recordes de fechamento na quinta-feira enquanto o Nasdaq ficou a um passo de seu recorde histórico, já que os investidores correram para ações de tecnologia depois que as previsões da Nvidia aumentaram a confiança no setor de Inteligência Artificial.

A Nvidia adicionou 277 bilhões de dólares em valor de mercado na sessão anterior, o maior ganho em um dia da história de Wall Street.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Suas ações subiam 4,0% na sexta-feira, enquanto nove dos 11 principais setores do S&P 500 avançavam no início das negociações, com as ações de tecnologia liderando os ganhos.

“Os investidores estão cada vez mais jogando a cautela para cima e perseguindo essa surpreendente rali de tecnologia, confiantes de que o boom da inteligência artificial protegerá os lucros corporativos mesmo se a economia mudar”, disse Marios Hadjikyriacos, analista sênior de investimentos da XM.

Às 12:31 (de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,47%, a 39.250,90 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,42%, a 5.108,64 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançava 0,24%, a 16.080,46 pontos.

Continua depois da publicidade

Todos os três principais índices caminham para ganhos semanais após a turbulência da semana anterior, quando dados de inflação mais fortes do que o esperado diminuíram as expectativas de cortes em breve na taxa de juros pelo Federal Reserve.

Lara Rizério

Editora de mercados do InfoMoney, cobre temas que vão desde o mercado de ações ao ambiente econômico nacional e internacional, além de ficar bem de olho nos desdobramentos políticos e em seus efeitos para os investidores.