Vagas abertas nos EUA em outubro surpreendem, mas desemprego ainda preocupa

Alta no número de vagas foi impulsionada por setor de serviços; vagas temporárias já estão em pauta para o final do ano

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Conforme divulgado na manha desta sexta-feira (5), foram abertas 151 mil novas vagas de emprego no mercado norte-americano em outubro, porém a taxa de desemprego manteve-se estável, 9,6%, em relação ao mês anterior.

O mercado projetava uma alta bem mais tímida no número de vagas, ao redor de 60 mil novos posto.

Taxa ainda preocupa
Contudo, se forem considerados os trabalhadores temporários que gostariam de encontrar um emprego fixo e os desempregados que desistiram de procurar uma vaga, a taxa de desemprego sobe para 17%. O desemprego em alta poderá restringir o consumo, que possuí papel fundamental na economia norte-americana , às vésperas das temporada de final de ano.

Aprenda a investir na bolsa

O relatório divulgado pelo departamento de trabalho norte-americano aponta ainda que aumentaram as horas trabalhadas em média por semana; o salário médio recebido por hora também avançou 1,7% na comparação com setembro.

Expansão impulsionada pela iniciativa privada
No número total de vagas criadas, é a primeira vez que o número cresce desde maio. No setor privado, a oferta de novas vagas chegou a 159 mil, o melhor resultado desde abril.

Ao realizar análise por setores da iniciativa privada, o de manufatura registrou perda de 7 mil vagas no período, surpreendendo analistas que esperavam que houvesse alta de 5 mil postos de trabalho.

Enquanto isso a construção civil foi responsável pela oferta de 5 mil novas vagas e o comércio varjista contratou 27,9 mil trabalhadores. Já o setor de serviços foi o principal propulsor da alta, ao ter ofertado 146 mil vagas no mercado de trabalho.

Temporários devem continuar crescendo
Já os trabalhos temporários criaram 34,9 mil vagas em outubro, o que pode indicar falta de confiança no crescimento sólido e duradouro da economia, uma vez que quando há expectativa de demanda no futuro as empresas optam por contratações definitivas.

Com a aproximação do Natal, deve crescer ainda mais o número de vagas de trabalho temporárias para atender a intensa demanda desta época, mesmo em tempos de incertezas no campo econômico.

PUBLICIDADE