Spinelli faz seis mudanças em carteira para mês em busca de ações mais defensivas

Entre as novidades, constam as ações de BR Foods, Droga Raia e Tecnisa; portfólio caiu 9,74% em setembro, pior que Ibovespa

Por  Felipe Moreno

SÃO PAULO – A Spinelli Corretora divulgou sua carteira recomendada para o mês de outubro, listando 10 ações que devem ter um desempenho diferenciado ao longo do período. A corretora optou por adicionar Brasil Foods (BRFS3), Droga Raia (RAIA3), Tecnisa (TCSA3), Klabin (KLBN4), Telesp (TLPP4) e Ecorodovias (ECOR3), nos lugares de PDG Realty (PDGR3), Lojas Renner (LREN3), MMX Mineração (MMXM3), Hypermarcas (HYPE3), Even (EVEN3) e Lupatech (LUPA3).

De acordo com a corretora, a intenção é colocar ações mais defensivas no lugar de papéis de maior risco e potencial de altas. Isso se deve ao fato de que o mercado deverá permanecer turbulento, tendo em vista o ainda incerto cenário nas economias desenvolvidas, como Estados Unidos, Europa e Japão.

Performance da carteira
No mês de setembro, a carteira performou abaixo do Ibovespa, com queda de 9,74% ante recuo de 7,38% do índice. Contudo, o portfólio da corretora ainda apresenta-se melhor do que o benchmark, com queda de 13,9% acumulada em 2011, contra 24,3% do índice até o fechamento de setembro. Já nos últimos 12 meses, a performance da carteira é negativa em 3,9%, enquanto o Ibovespa recuou 19,5% no mesmo período. 

Confira as sugestões da corretora:

Empresa  Código Preço-alvoUpside*
Brasil FoodsBRFS3R$ 35,0711,51%
CosanCSAN3R$ 32,7142,22%
TecnisaTCSA3R$ 16,1479,33%
KlabinKLBN4R$ 6,8732,88%
Abril EducaçãoABRE11R$ 35,1577,53%
TelespTLPP4R$ 56,3914,64%
Droga RaiaRAIA3R$ 36,0145,79%
Itaú UnibancoITUB4R$ 43,2550,85%
EcorodoviasECOR4R$ 16,1318,69%
OGX PetróleoOGXP3R$ 22,72107,49%

* Potencial de valorização com base nas cotações de fechamento do dia 3 de outubro

Compartilhe