Mais um rejeitado

SEC rejeita proposta de ETF de Bitcoin da Fidelity

A rejeição segue precedente e mostra a preferência da CVM dos Estados Unidos por fundos que rastreiam o mercado futuro do BTC

Por  CoinDesk -

A Securities and Exchange Commission (SEC, a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA) não aprovou um ETF (fundo negociado em Bolsa) spot de Bitcoin ( BTC) da Fidelity, aumentando a lista de pedidos rejeitados.

A rejeição do “Wise Origin Bitcoin Trust” (nome do fundo) da Fidelity nesta quinta-feira (27) ocorre apenas sete dias depois de a SEC indeferir um pedido de ETF spot de BTC solicitado pela empresa de consultoria de investimentos First Trust em parceria com o fundo de hedge SkyBridge Capital.

O não acolhimento dos pedidos segue um precedente estabelecido pela CVM dos EUA, que é dar preferência para fundos de índice que rastreiam futuros de Bitcoin.

Em dezembro, o regulador rejeitou o pedido da empresa de investimentos Kryptoin de listar outro ETF spot de Bitcoin. Também não aceitou propostas de produtos financeiros semelhantes da VanEck e da WisdomTree.

Em outubro, o primeiro ETF lastreado em futuros de Bitcoin foi lançado pela ProShares na Bolsa de Valores de Nova York. Outras aprovações incluem o ETF Valkyrie Bitcoin Strategy e o ETF VanEck Bitcoin Strategy.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receba a Newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe