Em mercados / politica

Bolsonaro nomeia Gustavo Canuto para o Ministério do Desenvolvimento Regional

Se assumir todas as atribuições das pastas que serão extintas, ele deverá gerir programas importantes como o Minha Casa Minha Vida

Gustavo Canuto
(Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O presidente eleito Jair Bolsonaro indicou o atual secretário-executivo do Ministério da Integração Nacional, Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto, para o Ministério do Desenvolvimento Regional. A informação foi postada por Bolsonaro em sua conta oficial no Twitter na tarde desta quarta-feira (28).

A pasta, que ainda será criada, deve agregar as atuais atribuições dos ministérios da Integração Nacional e das Cidades.

Segundo Bolsonaro, Canuto é servidor de carreira do Ministério do Planejamento com ampla experiência". Em seu currículo consta que ele é especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental, além de ter sido chefe de gabinete da Secretaria de Aviação Civil e do Ministério da Integração Nacional.

Se assumir todas as atribuições das pastas que serão extintas, Canuto deverá gerir programas importantes como Minha Casa Minha Vida, de habitação, e ações relacionadas a obras contra a seca e infraestrutura hídrica.

Informo a todos a indicação do Sr. Gustavo Henrique Rigodanzo Canuto, servidor efetivo do Ministério do
Planejamento com ampla experiência, para o Ministério do Desenvolvimento Regional”, escreveu o presidente eleito Jair Bolsonaro em sua conta no Twitter.

Proteja seus investimentos das incertezas políticas: abra uma conta na XP e conte com assessoria especializada e gratuita

 

Contato