Em mercados / politica

Bolsonaro vence no exterior com 58% dos votos; Ciro fica em segundo

Fernando Haddad (PT), ficou em terceiro com 10,14% dos votos, seguido por João Amoêdo, do partido Novo, que obteve pouco mais de 7% dos votos válidos

Ciro Gomes e Jair Bolsonaro
(Reprodução)

SÃO PAULO - Com 98,72% das urnas apuradas, segundo os dados mais recentes do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Jair Bolsonaro (PSL) ficou com 58,68% dos votos válidos dos eleitores brasileiros no exterior

Ciro Gomes (PDT) foi o segundo colocado, com 14,55%, seguido por Fernando Haddad (PT), que alcançou 10,14% dos votos. Em quarto lugar, ficou João Amoêdo, do partido Novo, que obteve pouco mais de 7% dos votos válidos.

O quinto colocado foi Geraldo Alckmin (PSDB), que ficou com 3,45% dos votos de brasileiros que moram no exterior. Na sequência aparecem Marina Silva (Rede) e Alvaro Dias (Podemos), que tiveram 2,58% e 1,42%, respectivamente.

Guilherme Boulos (PSOL), Cabo Daciolo (Patriota), Henrique Meirelles (MDB), Vera Lucia (PSTU), Eymael (DC) e João Goulart FIlho (PPL) encerraram nesta ordem a votação e não atingiram 1% dos votos registrados.

De acordo com o TSE, cerca de 500 mil brasileiros estavam aptos a votar em 99 países, mas menos da metade compareceu. A abstenção foi altíssima, chegando a 59%. Os votos brancos e nulos se aproximaram dos 5%.

(Com Agência Brasil)

A hora de investir em ações é agora: abra uma conta na Clear com taxa ZERO de corretagem!

 

Tudo sobre:  Política   TSE  

Contato