EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em mercados / politica

Google e governo federal podem ser parceiros pela reforma da previdência

A companhia apresentou uma proposta de parceria para direcionamento do conteúdo oficial a quem pesquisar sobre o assunto na internet, segundo o perfil do usuário, informa a coluna de Lauro Jardim, do O Globo

Google
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Além de buscar Silvio Santos, o presidente Michel Temer prepara mais frentes na sua ofensiva para conseguir apoio popular para a aprovação da reforma da Previdência, segundo informa a coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo. 

De acordo com a coluna, a equipe de comunicação do governo se reuniu ontem com representantes do Google. A companhia apresentou uma proposta de parceria para direcionamento do conteúdo oficial a quem pesquisar sobre o assunto na internet, segundo o perfil do usuário. A coluna cita um exemplo: se um trabalhador rural que colocasse o termo "previdência" na busca, iria receber o conteúdo que explica que essa categoria não será afetada pelas mudanças.

O governo está interessado no Youtube: segundo os dados apresentados, a plataforma hoje tem a segunda maior audiência do Brasil, perdendo apenas para a TV Globo. 

Quer investir em ações? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos 

Contato