Em mercados / politica

“Todo mundo pode cometer corrupção”, diz Dilma em debate da Globo

A presidente foi questionada pela candiata do PSOL, Luciana Genro

DilmaRedeTv
(RedeTV!)

SÃO PAULO – A candidata à presidência da República pelo PSOL, Luciana Genro, questionou Dilma Rousseff, no debate da Rede Globo, em relação ao escândalo de corrupção da Petrobras, acusado por Paulo Roberto Costa, ex-diretor da companhia. Segundo a socialista, o caso só ocorreu por conta das alianças feitas por Dilma durante o seu governo.

A presidente respondeu que lutou contra a corrupção durante todo o seu governo e que as alianças não têm ligação com o caso. “Não são alianças que definem corruptos. Tem corruptos em todos os lugares. Eu tive o cuidado de apoiar leis que apontam que todos os crimes serão investigados e punidos. Na minha opinião, todo mundo pode cometer corrução”, disse a candidata à reeleição.

Genro bateu na tecla, como vem fazendo ao longo de sua campanha, de que a culpa de toda a corrupção é dos bancos, do capital e da direita.

 

Contato