Petróleo atinge maior nível em quase 8 semanas com sinais de forte crescimento econômico

O petróleo Brent e o índice de referência dos EUA obtiveram ganhos semanais de mais de 6%

Reuters

(Getty Images)

Publicidade

HOUSTON (Reuters) – Os preços do petróleo atingiram o maior nível em quase dois meses nesta sexta-feira, fechando com seu segundo ganho semanal, com o crescimento econômico positivo dos Estados Unidos e os sinais de estímulo chinês impulsionando as expectativas de demanda, enquanto as preocupações com a oferta no Oriente Médio acrescentaram mais apoio.

O petróleo Brent subiu 1,12 dólar ou 1,36%, para 83,55 dólares por barril, seu maior valor de fechamento desde 30 de novembro.

Já o West Texas Intermediate (WTI) dos EUA subiu 0,65 dólar ou 0,84%, para 78,01 dólares por barril, também o fechamento mais alto desde novembro.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

“O estímulo econômico da China, o crescimento mais forte do que o esperado do PIB no quarto trimestre nos EUA, o arrefecimento dos dados de inflação dos EUA, os riscos geopolíticos em curso e a queda maior do que a esperada de 9,2 milhões de barris nos estoques de petróleo dos EUA na semana passada combinaram-se para aumentar os preços”, disse Tim Evans, analista independente do mercado petrolífero.

O petróleo Brent e o índice de referência dos EUA obtiveram ganhos semanais de mais de 6%, marcando o maior aumento semanal desde a semana que terminou em 13 de outubro, após o início do conflito Israel-Hamas em Gaza.