Fusões e aquisições

Petrobras aprova venda de participação na Deten para a Cepsa por R$ 585 milhões

Pagamento será no fechamento da transação, com depósito antecipado de 5% do valor (R$ 29,25 milhões) na data de assinatura do contrato

Por  Estadão Conteúdo -

O conselho de administração da Petrobras (PETR3;PETR4) aprovou nesta quarta-feira, 27, a venda da totalidade de sua participação (27,88%) na Deten Química, localizada no polo industrial de Camaçari, na Bahia, para a Cepsa, por R$ 585 milhões.

O valor será pago no fechamento da transação, com depósito de 5% do valor (R$ 29,25 milhões) na data de assinatura do contrato, que será descontado do valor total quando do pagamento.

A companhia informou ainda, por meio de fato relevante divulgado há pouco, que a transação está sujeita ao cumprimento de condições precedentes, como o aval do Conselho Administrativo de Defesa da Concorrência (Cade).

O valor do negócio, ainda segundo a empresa, não considera os ajustes que podem ocorrer até o fechamento da transação. “Essa operação está alinhada à otimização do portfólio e à melhora de alocação do capital da companhia, visando a geração de valor para os seus acionistas”, afirma a estatal.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe