Oposição argentina deve aprovar hoje o orçamento de 2001

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

Os senadores do partido justicialista, principal opositor à aliança governista Argentina, declararam nessa manhã que devem aprovar hoje os termos gerais do orçamento de 2001, e amanhã o texto completo. Os senadores devem fazer modificações no projeto, mas sem alterar o objetivo de déficit fiscal, segundo informações do jornal argentino La Nación. Depois de aprovado, o projeto volta à Câmara de Deputados.
Os senadores justicialistas ameaçavam atrasar a votação para discutir o orçamento mais a fundo, mas parecem ter voltado atrás após a pressão exercida pelo governo De La Rúa e do FMI. Oficiais do organismo internacional declararam ontem que atrasos na aprovação podem comprometer o pacote de ajuda, estimado em US$ 20 bilhões a US$ 25 bilhões. O anúncio oficial do FMI deve sair na terça-feira da semana que vem.
A Bolsa de Buenos Aires reagiu bem à aprovação, com o índice Merval apresentando alta de 1,17% às 15h20.

Compartilhe