Derivativos de cripto

Opções de criptomoedas disparam 36% em janeiro em meio à queda de preços

Recuo no mercado abriu espaço para traders tentarem estratégias mais ousadas

Por  CoinDesk -

Janeiro foi um mês complicado para ativos digitais, mas o mercado de opções de criptomoedas foi na contramão e registrou desempenho acima da média.

Na quinta-feira (3), em carta a investidores, a Deribit, maior bolsa de opções de criptomoedas do mundo, afirmou que o volume de negociações de opções de Ethereum (ETH) subiu para um recorde de 5,4 milhões em janeiro, 36% a mais do que no mês anterior.

Já para o Bitcoin (BTC), houve um crescimento de 10% de dezembro a janeiro, chegando a 480 mil contratos negociados.

O aumento aconteceu em parte pela ação mais ousada de traders em meio à queda de preços em janeiro.

No entanto, apesar do número significativo de transações, o nível de preços mais baixos reduziu o volume total de operações, medido em dólares, em comparação com o mês anterior.

opcoes ethereum deribit
Volume de negociações de opções de Ethereum na Deribit, de janeiro de 2020 a janeiro de 2022 (Reprodução/Deribit)

O mercado de criptomoedas sofreu no último mês: o Bitcoin caiu 17%, a Ethereum despencou 27% e o volume de negociações no mercado à vista e de futuros de BTC encolheu substancialmente.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receba a Newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe