Em mercados

Será que sua idéia de negócio é viável?

Intuição não é suficiente para garantir o sucesso do negócio, sua idéia precisa ser viável do ponto de vista estratégico, financeiro e legal

mesa de trabalho - negócios - calculadora
(Getty Images)

Após muito refletir, você finalmente obteve uma idéia, que considera excelente para a abertura de um negócio. Por mais que seus instintos lhe digam que tudo vai dar certo, isso não é suficiente para seguir em frente.

Aproveite essa fase inicial para pesquisar o máximo possível todos os aspectos referentes à sua idéia. A etapa de pesquisa lhe permitirá questionar alguns pontos da sua idéia inicial e, se acreditar necessário, refinar a sua idéia. É por meio desse exercício que você poderá estabelecer um negócio viável.

A viabilidade da idéia deve, contudo, ser analisada sob o aspecto estratégico, financeiro e legal. Somente assim é possível garantir o sucesso do empreendimento.

Sua idéia é estrategicamente viável?
O primeiro passo na análise de viabilidade estratégica da sua idéia é, sem dúvida, a condução de uma pesquisa de mercado. Essa etapa é particularmente importante no caso de novos produtos. Afinal, é preciso avaliar se efetivamente existe um mercado para o produto (ou serviço): será que o consumidor está disposto a pagar por esse produto (ou serviço)?

Entender o mercado aonde irá atuar, além de essencial para avaliar a viabilidade estratégica da sua idéia, lhe trará mais segurança de que está no caminho certo. E isso é muito importante. Por meio da pesquisa de mercado, você deve encontrar respostas para as seguintes perguntas: Quem são seus competidores? Quem é o seu público-alvo? Qual o tamanho do mercado? Quanto custa para se instalar? Com que tipo de margem você pode trabalhar?

Como você pretende se diferenciar?
Convencido da existência de um mercado, do interesse dos consumidores em pagar pelo produto (ou serviço) que você planeja oferecer, é hora de avaliar como proceder para se destacar nele.

Esse é um dos maiores obstáculos enfrentados por quem abre um negócio próprio: diferenciar a sua empresa, em um mercado cada vez mais competitivo. Faça-se a seguinte pergunta: por que um consumidor optaria pela sua empresa, ao invés de outra que já existe no mercado? Abaixo listamos algumas das razões que levam um consumidor a optar por uma determinada empresa:

  • Oferta de produto (serviço) de melhor qualidade;
  • Oferta de produto (ou serviço) mais barato;
  • Oferta de um produto (ou serviço), que permite economizar tempo;
  • Oferta de produto (ou serviço) único;
  • Atendimento diferenciado dos clientes.

Oferecer um produto de melhor qualidade ou de preço mais atrativo e prestar o melhor serviço deixou de ser a receita de sucesso garantido. Esses atributos garantem apenas que a sua empresa está no caminho certo para o sucesso. Mas, para se destacar no mercado, é preciso mais.

Tente refletir sobre formas inovadoras que podem atrair o consumidor ao seu produto, ou serviço, ao invés daquele oferecido pela concorrência. Não se iluda! Convencer um consumidor é muito mais difícil do que você imagina.

E do ponto de vista financeiro?
Convencido da viabilidade estratégica da sua idéia, é hora de fazer as contas com calma e avaliar a sua viabilidade financeira. Afinal, a idéia pode ser boa, mas se o retorno do investimento não for adequado, ela pode acabar não sendo atrativa.

Não se esqueça também de verificar os aspectos legais relacionados à sua idéia: existe algum tipo de impedimento para que você atue nesta área? Não desanime diante do esforço necessário: encare o tempo dedicado à pesquisa da sua idéia como um investimento que você está fazendo no seu negócio.

 

Contato