Balanço nos EUA

Nike tem receita recorde no quarto trimestre e ações sobem 13% no pré-market

Companhia reportou receita de US$ 12,3 bilhões, aumento de 96% em relação ao mesmo trimestre do ano fiscal anterior e de 21% ante o 4º trimestre de 2019

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A Nike (NIKE34) divulgou na última quinta-feira (25) seus resultados referentes ao quarto trimestre de seu ano fiscal de 2021, com receita e vendas que superaram as estimativas de analistas, apoiadas por uma receita recorde em seu maior mercado, os Estados Unidos.

No período, a companhia reportou receita de US$ 12,3 bilhões, aumento de 96% em relação ao mesmo trimestre do ano fiscal anterior e de 21% ante o quarto trimestre de 2019. Segundo a empresa, o resultado deve-se principalmente à recuperação das operações após o impacto da Covid-19 no ano fiscal anterior.

Já as vendas tiveram alta de 73% no último trimestre, em comparação ao mesmo período do ano fiscal anterior, para US$ 4,5 bilhões.

No acumulado do ano, a receita da Nike subiu 19%, para US$ 44,5 bilhões. O ano fiscal da companhia referente a 2021 terminou em 31 de maio.

“Os fortes resultados da Nike neste trimestre e no ano fiscal completo demonstram uma vantagem competitiva única da Nike e nossa grande conexão com os consumidores ao redor do mundo”, disse John Donahoe, presidente e CEO da Nike, em nota.

O mercado da companhia nos EUA registrou receita recorde, com aumento de 141% em relação ao que realmente é registrado no quarto trimestre. Além disso, teve alta de 29% ante o quarto trimestre de 2019, incluindo o aumento da receita de atacado devido a embarques atrasados em relação ao trimestre anterior.

Com a reabertura do mercado americano e retorno dos esportes, a Nike afirma que as vendas digitais da companhia continuaram fortes, com aumento de 54% ante o ano anterior e de 177% em relação ao quarto trimestre de 2019.

A companhia continua a se beneficiar de consumidores buscando roupas mais confortáveis para usar em casa e para se exercitar. Mesmo com muitas pessoas voltando para escolas, escritórios e eventos sociais nos EUA, muitos continuam vestindo opções mais relaxadas como tênis e calças legging.

Com os fortes resultados, as ações da companhia apresentavam forte alta da ordem de 13% no pré-market da bolsa de Nova York (NYSE), nos Estados Unidos, nesta sexta-feira (25).

PUBLICIDADE

Curso gratuito mostra como iniciar carreira no mercado financeiro começando do zero, com direito a certificado. Inscreva-se agora.