Resultados

Marfrig lucra R$ 3,3 bilhões em 2020, maior valor da história da companhia; no 4º tri, lucro salta 43 vezes

Já o Ebitda ajustado de 2020 teve um salto de 99,4%, passando para R$ 9,6 bilhões, com margem de 14,2%

arrow_forwardMais sobre
(Shutterstock)

SÃO PAULO  – A Marfrig Global Foods (MRFG3) teve um lucro líquido recorde de R$ 3,3 bilhões em 2020, salto de 1.413,76%, ou de 15 vezes, ante os R$ 218 milhões registrados no ano anterior, com forte participação da operação da empresa na América do Norte, informou a companhia nesta segunda-feira.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado de 2020 teve um salto de 99,4%, passando para R$ 9,6 bilhões, com margem de 14,2%.

A empresa, maior produtora mundial de hambúrgueres, ainda registrou receitas líquidas de R$ 67,5 bilhões, alta de 35,3% em relação a 2019.

A Operação América do Norte, em meio a um ciclo extremamente positivo da pecuária, representa aproximadamente 72% da receita líquida total da Marfrig e cerca de 80% do Ebitda.

No acumulado de 2020, o lucro bruto da Operação América do Norte atingiu US$ 1,7 bilhão, 40,8% maior na base de comparação anual. Já o Ebitda da unidade subiu 46,5%, a US$ 1,4 bilhão.

No acumulado de 2020, as receitas da Operação América do Sul –composta por Brasil, Argentina, Uruguai e Chile– foram a R$ 18,6 bilhões, 25,4% superior na comparação anual. Já o lucro bruto subiu 65,1%, para R$ 2,9 bilhões de reais e o Ebitda chegou a R$ 2,1 bilhões, 106% acima do apresentado em 2019.

No quarto trimestre de 2020, o lucro líquido da Marfrig foi de R$ 1,171 bilhão, por volta de 43 vezes acima do desempenho do mesmo período de 2019. Enquanto isso, o Ebitda ajustado teve alta de 30,3% no comparativo anual, a R$ 2,1 bilhões e o fluxo de caixa operacional livre cresceu saltou 165%  na base de comparação anual, a R$ 1,5 bilhão.

Vale destacar que o Conselho de Administração da Marfrig propôs à Assembleia Geral Ordinária, marcada para 8 de abril, a distribuição de R$ 141 milhões em dividendos, ou R$ 0,20 por ação –equivalente a 50% do lucro líquido distribuível aos acionistas.

Estagnado em sua profissão? Série gratuita do InfoMoney mostra como você pode se tornar um Analista de Ações em 2021. Clique aqui para se inscrever.

PUBLICIDADE