IPC-Fipe sobe 0,48% na 1ª quadrissemana de dezembro, ante +0,47% em novembro

Quatro de sete itens que compõem o indicador tiveram alta na leitura inicial do mês: Alimentação, Despesas Pessoais, Saúde e Vestuário

Estadão Conteúdo

Publicidade

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que mede a inflação na cidade de São Paulo, subiu 0,48% na primeira quadrissemana de dezembro, acelerando ante a alta de 0,47% observada no fechamento de novembro, segundo dados publicados nesta sexta-feira (9) pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Na leitura inicial deste mês, houve aceleração em quatro dos sete itens que compõem o IPC-Fipe: Alimentação (de alta de 0,47% em novembro para 0,61% na primeira quadrissemana de dezembro); Despesas Pessoais (de alta de 0,71% no mês anterior a um avanço de 0,86%); Saúde (de alta de 1,17% em novembro a crescimento de 1,18%); e Vestuário (de alta de 1,39% a um avanço de 1,48%).

Por outro lado, as categorias Habitação (de baixa de 0,09% em novembro a um recuo de 0,17% na primeira quadrissemana de dezembro); Transportes (com altas de 0,87% e 0,63%, respectivamente); e Educação (de alta de 0,12% para avanço de 0,11%) desaceleraram ou aprofundaram queda na mesma comparação.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Veja abaixo como ficaram os componentes do IPC-Fipe na primeira quadrissemana de dezembro:

– Habitação: -0,17%

Tópicos relacionados