Índices de NY operam com baixa na volta do feriado; balanços nos EUA, serviços no Brasil e mais

Goldman Sachs e de Morgan Stanley divulgam resultados; negociações sobre MP da reoneração no radar

Felipe Moreira

Publicidade

Os índices futuros dos Estados Unidos operam em baixa nesta terça-feira (16), na volta do feriado de Martin Luther King, com investidores à espera dos balanços de Goldman Sachs e de Morgan Stanley, antes da abertura. As bolsas europeias também operam no vermelho, à medida que os mercados acompanham as notícias do Fórum Económico Mundial, em Davos, na Suíça.

Por aqui, sai a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) de novembro, com consenso LSEG prevendo alta mensal de 0,5% e baixa anual de 0,2%. Já Fernando Haddad, ministro da Fazenda, começa a negociar alternativas à Medida Provisória que desonerou a folha de pagamentos.

1.Bolsas Mundiais

Estados Unidos

Os índices futuros dos EUA operam em baixa, enquanto investidores também aguardam pelos dados de vendas no varejo em dezembro, divulgados na quarta-feira, o que poderá alimentar receios de recessão e preocupações sobre o crescimento econômico se os gastos dos consumidores nos EUA sofrerem um arrefecimento. Economistas consultados pela FactSet antecipam um aumento de 0,2% para o mês, ligeiramente abaixo do aumento de 0,3% em novembro.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Na frente política, o ex-presidente Donald Trump venceu o primeiro teste para nomeação pelo partido Republicano na corrida à Casa Branca. A disputa interna entre os pré-candidatos começou ontem com o caucus de Iowa. Trump teve 51% dos votos, o que lhe renderia 20 delegados para convenção nacional republicana.

Veja o desempenho dos mercados futuros:

Ásia

Os mercados asiáticos fecharam majoritariamente em baixa nesta terça-feira, com perdas lideradas por Hong Kong e em meio a uma possível correção técnica no Japão após um recente rali. Na frente de dados, serão divulgados números do Produto Interno Bruto (PIB) chinês referentes ao quarto trimestre de 2023, assim como dados mensais de produção industrial e vendas no varejo.

Continua depois da publicidade

Europa

Os mercados europeus também operam no campo negativo, à medida que o Fórum Mundial ganha força nesta terça-feira com discursos do primeiro-ministro chinês, Li Qiang, da presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, do conselheiro de Segurança Nacional dos EUA, Jake Sullivan, e do presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy.

Commodities

Os preços do petróleo sobem, à medida que a crise no Oriente Médio se agravava e os dados de rastreamento de navios mostravam que mais navios-tanque alteravam o curso para longe do Mar Vermelho em resposta aos ataques na área do movimento Houthi do Iémen.

As cotações do minério de ferro na China fecharam com baixa pelo oitavo dia consecutivo nesta terça-feira, já que a decisão da China de não fazer um esperado corte nas taxas enervou os investidores. O banco central da China deixou a taxa de médio prazo inalterada na segunda-feira, desafiando as expectativas do mercado de um corte.

Bitcoin

2. Agenda

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) de novembro. A expectativa do Itaú para a PMS é que a categoria de transportes contribua negativamente para o dado, que a equipe econômica projeta com crescimento de 0,1%. O índice deve ser puxado pelo componente de serviços prestados às famílias.

Brasil

9h: Serviços de novembro; consenso LSEG prevê alta mensal de 0,5% e baixa anual de 0,2%

China

23h: PIB do 4º trimestre

3. Noticiário econômico

Haddad discutirá com Lira medida que reonera folha de pagamentos, diz líder do governo

O líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT-BA), disse na última segunda, após se reunir com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, que uma decisão sobre a medida provisória da reoneração da folha de pagamentos só deve sair na volta do recesso parlamentar. Wagner argumentou que Haddad ainda precisa conversar com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), sobre o assunto, já que se trata de uma proposta que terá de passar pelas duas Casas do Legislativo.

4. Noticiário político

Brasil e Paraguai não chegam a acordo sobre tarifa de Itaipu

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou na última segunda-feira (15) que o Brasil tem divergências com o Paraguai em relação ao valor da tarifa da usina hidrelétrica de Itaipu, que é uma empresa binacional gerida pelos dois países, mas que o tema seguirá sendo tratado pelas equipes de ambos os governos para que se chegue a uma solução. A declaração foi dada após encontro entre o mandatário brasileiro e o presidente paraguaio.

5. Radar Corporativo

B3 (B3SA3)

O volume financeiro médio negociado na B3 (B3SA3) no segmento de ações caiu 13,6% em dezembro na comparação com o registrado em igual período de 2022, ficando em R$ 25,292 bilhões. Em relação a novembro, houve queda de 7,9%.

Plano&Plano (PLPL3)

A Plano&Plano (PLPL3) aprovou a distribuição de dividendos, no montante de R$ 100 milhões, à razão de R$ 0,50439835364 por ação ordinária.

(Com Estadão, Reuters e Agência Brasil)