Bolsas dos EUA

Índice Dow Jones tem maior revisão desde 2004; BofA sai e Goldman o substitui

Além destas, HP e Alcoa deixarão o índice, sendo substituídas por Nike e Visa; mudanças ocorrerão após o fechamento do dia 20

SÃO PAULO – A empresa que gere o índice Dow Jones, considerado um dos mais importantes do mundo, anunciou em comunicado ao mercado a maior revisão em sua carteira em quase uma década. 

A justificativa principal para a maior mudança do índice desde 2004 é a busca por maior diversificação. Entre as saídas, estão o Bank of America, a HP (Hewlett-Packard) e a Alcoa, que serão substituídas por Goldman Sachs, Nike e Visa.

O Bank of America é a segunda maior instituição financeira norte-americana, enquanto a Alcoa tradicionalmente abre a temporada de resultados e que constava no Dow Jones há 54 anos. Já a HP esteve no índice por 16 anos. 

PUBLICIDADE

As mudanças terão efeito após o fechamento de 20 de setembro e marcam a primeira entrada de novos nomes em dois anos. Em meio ao rebalanceamento do índice, as ações do Goldman registram ganhos de 3,09%, enquanto Visa sobe 2,86% e Nike tem ganhos de 2,08%, de acordo com cotação das 11h55 (horário de Brasília). Dentre as excluídas, os papéis do BofA contrariam a tendência e registram alta, de 1,45%, enquanto HP e Alcoa estão quase estáveis.