Bolsa

Ibovespa, dólar e DIs não saem do lugar com investidores à espera de novidades no exterior

Mercado não sai do zero em dia fraco de notícias que possam movimentar as negociações de ativos

alta baixa mercados gráfico índices bolsa ações
(Shutterstock)

SÃO PAULO – O Ibovespa opera entre perdas e ganhos nesta segunda-feira (9) com os investidores à espera de novidades na guerra comercial entre Estados Unidos e China em meio ao esvaziamento do Congresso e da pauta política em dezembro.

Às 10h09 (horário de Brasília) o Ibovespa registra leve alta de 0,05%, a 111.176 pontos.

Já o dólar comercial ficava praticamente estável, com leves ganhos de 0,04% a R$ 4,1447 na compra e a R$ 4,1472 na venda. O dólar futuro com vencimento em janeiro de 2020 registrava moderada alta de 0,05%, a R$ 4,1475.

PUBLICIDADE

No mercado de juros futuros, o DI para janeiro de 2021 fica estável a 4,61% e o DI para janeiro de 2023 tem queda de um ponto a 5,73%.

Entre os indicadores, destaque para a revisão das expectativas para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019. Os economistas consultados pelo Relatório Focus do Banco Central elevaram as projeções de 0,99% para 1,1%. Para 2020, a previsão subiu de 2,22% para 2,24%.

Já a expectativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) foi elevada de 3,52% para 3,84% em 2019 e mantida em 3,6% para 2020.

Para a Selic, a projeção foi mantida em 4,5% para 2019 e 4,5% para 2020. A taxa de câmbio foi elevada de R$ 4,10 em 2019 para R$ 4,15 e de R$ 4,01 em 2020 para R$ 4,10.

No exterior, em entrevista à CNBC, Larry Kudlow, conselheiro econômico da Casa Branca, disse que os EUA e a China estão próximos a um acordo, mas sugeriu que Trump pode “ir embora” das negociações se certas condições não forem atendidas por Pequim.

No domingo, a China informou que suas exportações caíram 1,1% em novembro, a quarta queda mensal consecutiva, o que pode reforçar a urgência em fazer um acordo comercial com os americanos. As bolsas europeias operam em baixa.

PUBLICIDADE

Leia também:
• Fleury destaca estratégias para os próximos anos no Investor Day 2019; acompanhe e mande suas perguntas

Entre as commodities, o minério de ferro dispara mais de 4% em Cingapura e supera US$ 90 a tonelada após líderes da China prometerem manter o crescimento em nível razoável e fortalecer investimentos em infraestrutura.

Noticiário corporativo 

A JBS confirmou que estuda a abertura de capital nos Estados Unidos, mas negou que o plano da empresa seja transferir a sede para o exterior.

Segundo a JBS, a abertura de capital no mercado americano faz parte de um plano para dar melhor estrutura financeira para o grupo concorrer no mercado mundial.

A concessionária CCR fará no dia 16 uma emissão de debêntures para levantar R$ 800 milhões. A operadora de telefonia Oi pediu ao judiciário que a supervisão judicial sobre as empresas do grupo não termine em 2 de fevereiro de 2020, quando a recuperação judicial do grupo Oi completará dois anos.

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos