Day Trade

Grafista alerta que Ibovespa não vai subir, pressionado por Petrobras

Enquanto isso, o índice deve continuar formando topos e fundos descendentes no curto prazo

SÃO PAULO – O Ibovespa fechou a terça-feira (4) com queda de 1,10%, aos 57.563 pontos. Nas últimas sessões, o índice vai alternando entre fortes altas e fortes quedas, sem se definir para nenhuma região.

Contudo, a expectativa de Mario Saldanha, analista do Portal Saltrade, é que ele se defina pelo campo negativo. 

“O índice não consegue engatar uma alta devido à falta de força no mercado americano e ao fato da blues chips estarem todas com formações de tendência baixista, principalmente a ação preferencial da Petrobras (PETR4)“, alerta o grafista.

Enquanto isso, o índice deve continuar formando topos e fundos descendentes. “Ou até mesmo romper a central das Bandas de Bollinger, uma média móvel de 20 períodos”, destaca Saldanha. 

O InfoMoney declara que:

Este material contém as opiniões atuais do analista, que estão sujeitas a mudanças sem aviso e que podem ser divergentes da opinião de outros profissionais ou do InfoMoney, que poderá publicar informações que não apresentem similaridade com as informações aqui fornecidas. Para elaborar este material, foram utilizadas informações obtidas de fontes que o analista e o InfoMoney acreditam serem idôneas e fidedignas, mas o autor ou o InfoMoney não garantem a integridade, confiabilidade ou exatidão de tais informações.
O analista e o InfoMoney não se responsabilizam por nenhuma operação que for ou vier ser realizada pelos Investidores baseados nas informações aqui fornecidas, cabendo a eles, exclusivamente, a decisão de adquirir ou alienar valores mobiliários e o eventual ônus ou retorno financeiro decorrente de tal decisão. Este material não pode ser reproduzido ou redistribuído, no todo ou em parte, sem o prévio consentimento por escrito do InfoMoney.