Balanços

GetNinjas (NINJ3) tem prejuízo no 3TRI21; despesas operacionais impactaram no resultado

Com expansão, GetNinjas registra prejuízo no terceiro trimestre, após registrar maior gastos na contratação de novos profissionais

Por  Fernando Lopes -

A GetNinjas (NINJ3) reportou no terceiro trimestre de 2021 (3TRI21) prejuízo líquido de R$ 10,682 milhões, contra lucro líquido de R$ 1,355 milhão no mesmo período de um ano atrás.

Os custos operacionais foram determinantes para o resultado. O crescimento foi de nada menos que 205% no período, em comparação com um ano atrás. As despesas comerciais foram as que mais cresceram.

“Sempre que um novo profissional se cadastra no GetNinjas, é necessária uma validação de cadastro, feita por SMS. Assim como quando os clientes solicitam serviços pela primeira vez”, explicou a empresa.

Cadastro de novos profissionais pesam no relatório da GetNinjas

Assim, os custos operacionais foram influenciados pelos novos cadastros de profissionais. E nesse quesito, a GetNinjas avançou bastante no trimestre. Foram mais 142% novos profissionais cadastrados, ou 463 mil. A base já passa de 3,7 milhões.

Já o número de solicitações de clientes chegou a 1,363 milhão no 3TRI21, 17% a mais do que no 3TRI20. Desses, 51% eram recorrentes.

Dessa maneira, o Ebitda ajustado ficou negativo em R$ 13,860 milhões no 3TRI21, contra um positivo de R$ 1,508 milhão do 3TRI20.

A margem Ebitda ajustado ficou em 85% negativos. Há um ano, a margem era 13% positiva.

A receita líquida avançou 43% no período, na comparação com o 3TRI210, para R$ 16,344 milhões.

A GetNinjas estreou na B3 em maio desde ano, após captação de mais de R$ 550 milhões.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compartilhe