Gafisa (GFSA3) tem alta de 22% nas vendas no 1º tri, para R$ 301,5 milhões

Construtora divulgou seus números trimestrais na noite de quinta-feira (20)

Felipe Moreira

(Divulgação)

Publicidade

A Gafisa (GFSA3) divulgou nesta quinta-feira (20) sua prévia de seus resultados operacionais referentes ao 1º trimestre de 2023 (1T23).

As vendas brutas atingiram R$ 301,5 milhões, crescimento de 22% em comparação com o 1T22. No acumulado de 12 meses, as vendas brutas somaram R$ 1,2 bilhão, representando um crescimento de 41% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

As vendas líquidas atingiram R$ 288,3 milhões no 1T23, aumentando 24% em comparação com o 1T22. Na mesma base de comparação, os distratos se reduziram em 3,3%. No acumulado de 12 meses, as vendas líquidas totalizaram R$ 1 bilhão, representando um crescimento de 50% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

No 1º trimestre de 2023, os empreendimentos de médio-alto e alto padrão corresponderam a 84% das vendas líquidas e 75% no acumulado de 12 meses.

“Com a forte performance de vendas, o estoque apresentou redução de 14% no 1T23 frente ao mesmo trimestre do ano anterior, totalizando R$2,2 bilhões”, diz a empresa.

A velocidade de vendas (VSO) no 1T23 foi de 11,5%, mantendo-se praticamente estável na comparação com igual etapa de 2022.

Continua depois da publicidade

No 1º trimestre de 2023, a Gafisa entregou o empreendimento Stratos, localizado na cidade de São Paulo, somando 24 unidades e VGV correspondente de R$139 milhões.

Por fim, a construtora informou que não registrou lançamento. “A Gafisa segue engajada em seu plano estratégico direcionado ao mercado de alto padrão, atuando de forma dinâmica e seletiva para desenvolver o seu portfólio de empreendimentos com alto valor agregado”, diz comunicado.