De olho no abismo

Fitch alerta que EUA pode perder AAA se acordo para abismo fiscal fracassar

De acordo com a agência de classificação de risco, fracasso no acordo pode aumentar as incertezas e levar à uma recessão "desnecessária"

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A agência de classificação de risco Fitch alertou nesta quarta-feira (19) que as probabilidades de rebaixamento do rating dos EUA – que atualmente é AAA – aumentaram em decorrência do “fiscal cliff”. O rebaixamento pode ocorrer caso o governo norte-americano não aja de modo a impedir o corte de gastos e aumento de impostos no valor de US$ 600 bilhões programados para o próximo ano.

De acordo com a agência, o fracasso em se evitar o chamado abismo fiscal pode exarcebar ao invés de diminuir as incertezas com relação à política fiscal, levando os EUA à uma recessão desnecessária e totalmente evitável.

Com isso, afirma, o risco é de uma erosão no potencial de crescimento do médio prazo do país e da sua estabilidade financeira. “Em tal cenário, há uma probabilidade crescente de que os EUA percam o seu status AAA”, afirmou. Desta forma, a Fitch possui uma perspectiva negativa para o rating soberano norte-americano.

Corte de rating já assustou mercados em 2011
Vale ressaltar que, em 8 agosto de 2011, a agência de classificação de risco Standard & Poor’s cortou o rating de crédito dos Estados Unidos, que passou de AAA para AA+, repercutindo as preocupações com o forte crescimento do déficit fiscal do país. Naquela data, o Ibovespa fechou em forte queda de 8,08%, refletindo os temores em relação à economia norte-americana. 

Confira na tabela abaixo como são as notas de longo prazo dentro da metodologia das três principais agências de classificação de risco:

S&PMoody´sFitchGrau
AAA
AA+
AA
AA-
A+
A
A-
BBB+
BBB
BBB-
Aaa
Aa1
Aa2
Aa3
A1
A2
A3
Baa1
Baa2
Baa3
AAA
AA+
AA
AA-
A+
A
A-
BBB+
BBB
BBB-
Investimento
BB+
BB
BB-
B+
B
B-
CCC
CC
C
D
Ba1
Ba2
Ba3
B1
B2
B3
Caa
Ca
C
Wr
BB+
BB
BB-
B+
B
B-
CCC
CC
C
D
Especulativo